Aracaju, 5 de agosto de 2021

Imunização contra covid alcança mais 577 aracajuanos com 2ª dose

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Ao mesmo tempo em que a Prefeitura de Aracaju recebe mais doses de vacinas contra covid-19, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), também dá seguimento à conclusão do ciclo vacinal daqueles aptos a receber a segunda dose, assim como à aplicação da primeira dose em gestantes e puérperas acima de 18 anos. Para tanto, além do drive-thru montado no Parque Augusto Franco (Sementeira), disponibiliza, ainda, outros 12 pontos fixos de vacinação. Com isso, nesta sexta-feira, 16, mais 577 pessoas receberam a dose de reforço.

Pessoas como José Raimundo Figueiredo, de 66 anos, que, ao receber a segunda dose da vacina, não deixou de dizer o que, de fato, importa. “Vacina boa é vacina no braço, e estou aqui porque me preocupo comigo, mas também com os outros. É um alívio muito grande, principalmente quando a gente vê que existe uma nova variante. Mesmo vacinado, continuarei com os cuidados e torcendo para que, logo, todos estejam imunizados”, frisa.

O agente de trânsito Aldo Silveira, de 30 anos, entende que precisa continuar os cuidados, mas vê com otimismo o avanço da vacinação em Aracaju. “Estamos caminhando para ter bons resultado, acredito. Enquanto todos não estiverem vacinados, sei da responsabilidade que temos em manter as medidas, mas, de alguma forma, poder completar a imunização já me dá certa tranquilidade, inclusive para trabalhar mais seguro”, afirma.

Até o momento, Aracaju vacinou 306.822 pessoas com a primeira dose, o que corresponde a 46,14% da população.

Esses números têm motivado a psicóloga Juliana da Silva Santos Macedo, de 38 anos.

“Trabalho com crianças com deficiência e, durante a pandemia, mantive o meu trabalho, mas sempre com todos os cuidados. Ainda assim, havia o medo, o receio por conta do cenário. Agora, com as suas doses, tenho consciência que preciso manter os cuidados, mas sinto que até consigo respirar melhor. Se fosse preciso tomar uma terceira, tomaria, sem medo. A vacina é o único caminho”, ressalta Juliana.

A assistente social Márcia Regina Souza, de 39 anos, sentiu o peso na rotina, mas, hoje, se sente mais esperançosa com o avanço da vacinação.

“A sensação é de mais segurança, principalmente por ter tomado as duas doses necessárias, e fica o desejo de ver mais e mais pessoas sendo vacinadas. Estou na expectativa de meu marido receber a segunda dose e dando continuidade aos cuidados, não só por me preocupar com meu filho, de 6 anos, mas por todas as outras pessoas”, frisa Márcia.

Nova faixa etária

Entre este sábado, 17, e a segunda-feira, 19, serão vacinados com a primeira dose os moradores da capital com 33 anos.

A vacina estará disponível nos seguintes locais: UBS Santa Terezinha (Zona de Expansão), Fanese (Bairro Industrial), Colégio CCPA (Grageru), Aracaju Parque Shopping (Bairro Industrial), Estação Cidadania (Bugio), Universidade Tiradentes – UNIT (Farolândia), Externato São Francisco de Assis (Suissa) e Faculdade Pio X  (avenida Tancredo Neves). Nestes pontos, o funcionamento é das 8h às 16h.

As pessoas desta faixa etária também têm como opção os drive-thrus do Parque da Sementeira e do 28º Batalhão de Caçadores (no bairro 18 do Forte), das 8h às 17h. Para estes dois locais, é obrigatório realizar o cadastro no portal ‘Vacinaju’ e aguardar o código autorizativo.

Segunda dose

Na capital, as pessoas que estão com a segunda dose (D2) de AstraZeneca agendada no cartão de vacinação, conforme a SMS, podem receber a sua dose em 11 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), são elas: Oswaldo de Souza (Getúlio Vargas); Manoel de Souza Pereira (Jabotiana); Augusto Franco (Farolândia); Roberto Paixão (17 de Março); Edézio Vieira de Melo (Siqueira Campos); Eunice Barbosa (Coqueiral); Marx de Carvalho (Ponto Novo); Cândida Alves (Santo Antônio); Celso Daniel (Santa Maria); Hugo Gurgel (Coroa do Meio); e Augusto César Leite (Aeroporto).

Além desses pontos, a população pode se dirigir ao drive-thru montado no Parque da Sementeira. Nesse caso, não precisa estar com o código validado do VacinAju, basta apresentar documento de identificação com CPF e o cartão de vacina onde a primeira dose foi registrada.

Para receber a vacina nas UBSs, é necessário apresentar um documento de identificação com foto, comprovante de residência de Aracaju (não é obrigatório), e o cartão de vacina com a primeira dose registrada.

CoronaVac

Neste sábado, dia 17, a Secretaria Municipal da Saúde inicia a aplicação da segunda dose do imunizante CoronaVac para quem recebeu a primeira dose em junho. Serão quatro pontos de vacinação funcionando das 8 às 16 horas e a vacina será administrada de forma escalonada.

No dia 17, somente completará o esquema vacinal quem tomou primeira dose no dia 19 de junho. Dia 19 de julho, completa o ciclo vacinal quem tomou a primeira dose dia 21 de junho. Já dia 24 de julho, será a vez de quem tomou a primeira dose em 26 de junho.

Os locais de vacinação para segunda dose de CoronaVac são: UBSs Augusto Franco, Celso Daniel (Santa Maria) e José Calumby Filho (Jardim Centenário) e Universidade Tiradentes. Para receber a vacina, é preciso apresentar cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência.

Os usuários que receberam a primeira dose desse imunizante em abril precisam enviar e-mail para vacinacovid2@aracaju.se.gov.br solicitando a vacina e anexando cópia de cartão de vacinação, documento com foto e comprovante de residência. Outra opção é entra em contato com a Ouvidoria por meio do 0800-729-3534, opção 7 ou agendando em uma Unidade Básica de Saúde.

Foto: Marcelle Cristinne

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Ipesaúde inclui cirurgião torácico em seu leque de especialidades
Energisa com inscrições abertas para o programa Jovem Aprendiz
Semana Pedagógica mostra estratégias de ensino e aprendizagem
Investigado considerado de alta periculosidade morre em confronto com policiais