Aracaju, 24 de setembro de 2021

Políticos de volta ao batente

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Por Adiberto de Souza *

Deputados estaduais e vereadores estão retornando ao trabalho parlamentar após o recesso semestral. A Câmara de Aracaju reabre as atividades no próximo domingo, 1º de agosto. Já a Assembleia deixou para retornam ao “batente” na segunda-feira. Espera-se que com o abrandamento da pandemia, tanto os deputados quanto os vereadores se aproximem mais do eleitorado, ouvindo suas demandas visando transformá-las em projetos ou cobrar solução aos governos estadual e municipal. Ressalte-se que, mesmo este não sendo um ano eleitoral, o pleito de 2022 já está mexendo com as cabeças dos políticos, particularmente dos deputados que tentarão se reeleger. Portanto, não esperem uma grande produção parlamentar da Assembleia agora no 2º semestre. É previsível que os chamados representantes do povo se preocupem menos em resolver os problemas da população e mais em cativar o eleitorado, de olho na renovação de seus mandatos. Crendeuspai!

Estúpido ou canalha?

Não chamem para o mesmo churrasco, o senador Alessandro Vieira (Cidadania) e o presidente Bolsonaro. Pode sair espetadas pra todos os lados. Invocado com as trapalhadas do capitão de pijama, o delegado cidadanista compartilhou uma dúvida com os internautas: “Não sei o que é pior: um presidente tão estúpido que acredita em teorias conspiratórias de WhatsApp ou um tão canalha que inventa as teorias conspiratórias de WhatsApp. No final das contas dá no mesmo, são ataques diários contra a democracia. É uma doença que vamos curar no voto”. Home vôte!

Não vende nem troca

O arcebispo de Aracaju, dom João José da Costa, negou que o prédio do Colégio Arquidiocesano do centro da capital tenha sido vendido ao plano de saúde HapVida. Segundo ele, a Igreja Católica só torrou nos cobres as instalações do Arqui localizadas no bairro Farolândia. O religioso jura de pés juntos que o prédio da rua Dom José Tomaz não está à venda, contudo quem pretender aluga-lo pode se apresentar que tem negócio. Tá interessado?

Retorna pra casa

O médico Emerson Ferreira assinou ficha de filiação ao PSB pensando em conquistar uma cadeira parlamentar nas eleições de 2022. Ex-vereador de Aracaju, ele está retornando ao ninho após ter pousado em partidos como o PT, Rede Solidariedade e Cidadania. Doutor Emerson chega ao PSB com uma proposta de mandato coletivo. Trata-se de uma aposta na intervenção direta da população nas tomadas de decisões de um representante político durante o mandato. Então, tá!

Lembre-se dessa galera

Em menos de 30 dias, parte da bancada federal de Sergipe votou duas vezes contra o povo. Primeiro, os deputados Bosco costa (PL), Fábio Reis (MDB), Fábio Henrique (PDT), Fábio Mitidieri (PSD), Gustinho Ribeiro (SD), João Daniel (PT) e Laércio Oliveira (PP) votaram para perdoar os políticos fichas-suja, a maioria acostumada a meter a mão no dinheiro do povo. Depois, os deputados Bosco Costa (PL), Fabio Reis (MDB), Gustinho Ribeiro (Solidariedade), Laercio Oliveira (PP) e a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) votaram a favor do aumento do Fundo Eleitoral, que passou de R$ 2 bilhões para exagerados R$ 5,7 bilhões. Lembrem-se disso nas eleições de 2022. Desconjuro!

Religião em debate

E o vereador aracajuano Pastor Diego (PP) apresentou um Projeto de Lei garantindo o direito fundamental às liberdades religiosa e de crença no município de Aracaju. O parlamentar pretende realizar uma audiência pública visando aprofundar o debate sobre o tema com os aracajuanos. Será na próxima sexta-feira, no Hotel Sesc, na Orla de Atalaia. Diego acredita que o seu projeto terá o apoio da maioria dos vereadores. Aguardemos, portanto!

Amigo da Marinha

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), é o mais novo amigo da Marinha. O fidalgo recebeu do vice-almirante Humberto Caldas Silveira Junior um diploma e uma medalha em reconhecimento aos serviços prestados à Marinha do Brasil. Após ouvir os agradecimentos do pedetista, o vice-almirante disse que o homenageado é “um cidadão que tem ajudado a Marinha a cumprir sua missão”. Ah, bom!

Prática nazifascista

O incêndio de um galpão da Cinemateca Brasileira, ontem, em São Paulo, foi lamentado pelo senador Rogério Carvalho (PT). O distinto também ressaltou que destruir a cultura é um dos pilares dos regimes nazifascistas e autoritários. “Boa parte da memória do cinema brasileiro foi destruído nesse incêndio criminoso, pois foi alertado. O governo comete mais um crime de prevaricação ao ignorar os alertas”, ataca Carvalho. Danôsse!

Sonho coletivo

Os políticos começam a apertar o passo rumo à candidatura ao governo de Sergipe. Os aliados do governador Belivaldo Chagas (PSD) de olho na cadeira dele se articulam dia e noite. Todos querem ser o indicado pelo pessedista, mas garantem que se isso não ocorrer continuarão no barco. Será? O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) é um destes. Em conversa com aliados, ele deixou claro que não existe isso de não abrir mão da candidatura, mas alertou: “Não tenha dúvida que eu desejo ser o escolhido”. Marminino!

Banco dos réus

O ex-deputado federal André Moura (PSC) tem uma prova de fogo pela frente. Três processos contra ele, todos relacionados a denúncias de irregularidades na Prefeitura de Pirambu, estão na pauta do Supremo Tribunal Federal. As ações penais (APs 969, 973 e 974) sobre improbidade administrativa vão a julgamento no próximo dia 12, tendo como relator o ministro Gilmar Mendes. Caso André Moura seja condenado em alguma delas, babau candidatura ao Senado em 2022. Misericórdia!

Recorte de jornal

Publicado no jornal Correio de Aracaju, em 20 de janeiro de 1907.

* É editor do Portal Destaquenotícias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Hospital Cirurgia realiza ação de incentivo à doação de órgãos
Prefeitura de Aracaju pagará salários dos servidores nesta segunda-feira, 27
Oficiais e praças do CBMSE recebem medalhas do centenário da corporação
PL de Talysson institui obrigatoriedade de atendimento em pavimento térreo a idosos