Aracaju, 24 de setembro de 2021

Valadares diz que Danielle foi “antiética nas eleições de 2020, por esconder Valadares Filho”

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O senador Antônio Carlos Valadares (PSB) foi categórico, ao afirmar na manhã desta sexta-feira (30) que vai disputar um cargo eletivo nas eleições de 2022 e que o filho, Valadares Filho, disputará a Câmara Federal. “O verdadeiro político só se aposenta quando morre”.

Afirmação foi feita pelo ex-senador Valadares durante a entrevista que concedeu a Fan FM, onde ele aproveitou para fazer um desabafo e uma análise da atual conjuntura política em Sergipe, e deixa a entender que ficou magoado por conta das eleições de 2020, quando seu filho, Valadares filho, concorreu à prefeitura de Aracaju ao lado da delegada Danielle Garcia.

Ainda sobre a eleição do ano passado, o ex-senador disse que a delegada Danielle Garcia, então candidata a prefeita de Aracaju ao lado de Valadares filho, teria sido antiética pelo fato de, segundo ele, esconder seu filho.

Isso teria magoado o ex-senador que, durante a entrevista, afirmou que pediu ao seu filho VF para que renunciasse da disputa como vice de Daniele e fosse disputar o cargo de vereador ao lado de Elber Batalha.

Para o ex-senador Valadares, a aliança com o agrupamento político encabeçado por Danielle e o senador Alessandro Viera teria sido “um casamento escondido que vira divórcio”, disse Valadares.

Com informações e foto do Jornal da Fan

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Hospital Cirurgia realiza ação de incentivo à doação de órgãos
Prefeitura de Aracaju pagará salários dos servidores nesta segunda-feira, 27
Oficiais e praças do CBMSE recebem medalhas do centenário da corporação
PL de Talysson institui obrigatoriedade de atendimento em pavimento térreo a idosos