Aracaju, 24 de setembro de 2021

Escolas entram em recesso e retornam dia 17  presencialmente

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A unificação do calendário letivo com o ano civil vem sendo planejado ao longo dos últimos anos

Após o primeiro semestre letivo de 2021, a comunidade escolar da Rede Pública Estadual de Ensino encontra-se em recesso letivo no período entre os dias 2 e 16 de agosto. No momento, unidades educacionais, equipes escolares, famílias e estudantes e demais agentes que atuam direta ou indiretamente na educação pública de Sergipe preparam-se para a retomada das aulas presenciais autorizadas pelo Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (CTCAE) para o dia 17 de agosto.

As férias unificadas desse período ocorrem em todas as 324 escolas estaduais de Sergipe, em função da utilização do calendário letivo dentro do ano civil, o que objetiva reduzir a evasão escolar; facilitar o acompanhamento do currículo pelos alunos que são transferidos para outras instituições de ensino; melhorar a preparação do aluno para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem); além de aperfeiçoar a organização do transporte escolar para alunos das redes estadual e municipais; entre outros benefícios.

Desde 2017, o Departamento de Inspeção Escolar (DIES) articula ações de formação direcionadas para a equalização do calendário escolar. Com o cumprimento dos 200 dias para o ano letivo de 2021, o Dies projeta que mais de 95% das unidades escolares terminem o ano letivo 2021 dentro do ano civil. Segundo a diretora do Dies, Eliana Borges, o trabalho parte do convencimento das equipes escolares de que o calendário unificado só traz melhorias para a comunidade escolar.

“É um trabalho que não foi feito em um mês, nem em um ano; foi um trabalho duradouro, de convencimento de que o calendário unificado só traz melhorias para a comunidade escolar e a educação em relação a transporte, distribuição de merenda, férias coletivas tanto dos professores, para poderem descansar porque muitos ministram aulas em duas ou três escolas, quanto dos alunos. Então foi nesse sentido que fizemos essa busca para tentar unificar os calendários e estamos conseguindo”, concluiu Eliana Borges.

A Escola Estadual Professora Maria Berenice B. Alves, localizada no município de Capela, território Leste sergipano, não só seguiu as conformidades do Departamento de Inspeção Escolar em equalizar o calendário escolar, como também realizou, no dia 28 de julho, a devolutiva com o resultado do primeiro semestre letivo dos alunos para pais ou responsáveis.

Para a gestora dessa unidade escolar, Roseneide Souza de Santana, equalizar o calendário escolar também é uma questão humana, considerando as férias unificadas de professores e alunos, porque alguns professores lecionam em mais de um estabelecimento  na Rede Pública Estadual de Ensino, e em anos anteriores tinham que dar aula em uma escola enquanto estava de férias da outra.

“É uma questão humana pensar realmente no descanso do professor ao tirar as férias por completo. Como todos nós somos uma rede, é bom para todos, assim o professor descansa verdadeiramente, e eu acredito que para a Secretaria, melhora o planejamento anual das escolas”, concluiu.

Fonte e foto assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Hospital Cirurgia realiza ação de incentivo à doação de órgãos
Prefeitura de Aracaju pagará salários dos servidores nesta segunda-feira, 27
Oficiais e praças do CBMSE recebem medalhas do centenário da corporação
PL de Talysson institui obrigatoriedade de atendimento em pavimento térreo a idosos