Aracaju, 23 de setembro de 2021

Valdevan Noventa diz que  em nenhum momento iria “suspender o diálogo”

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A Assessoria de Imprensa do deputado federal Valdevan Noventa (PL-SE) vem a público responder com veemência matéria publicada no site Liberdades assinada pelo jornalista, Pedro Valadares, com o título principal “Valdevan pode apoiar candidato de Belivaldo.” Em nenhum momento o deputado afirmou, para quem quer que seja, que iria “suspender o diálogo” muito pelo contrário, ele está ampliando cada vez mais.

O deputado Valdevan Noventa tem profundo respeito aos nomes citados pela matéria, que em nenhuma situação buscou apurar os fatos com concretude. Vale destacar, que não é verídico que ele esteja “construindo um sólido entendimento político com o grupo situacionista liderado pelo governador Belivaldo Chagas” não há essa decisão, até o presente momento.

Reafirmamos que os diálogos e as visitas do deputado pelo estado continuam alicerçando a sua pré-candidatura ao Senado Federal. “O meu lado é o do povo”, disse Valdevan Noventa em resposta à matéria. Como tem afirmado em diversas entrevistas, o parlamentar não tem pretensões de trilhar seu caminho político com a reeleição para deputado federal, mesmo sabendo do seu potencial e das reais chances de vitória no próximo pleito eleitoral.

Considerando que muitos diálogos irão ocorrer nos próximos meses, Valdevan Noventa não abrirá mão de sua palavra e da sua honra. Continuará trabalhando em Brasília em prol dos municípios sergipanos e no momento certo apresentará as suas futuras alianças.

Assessoria de Imprensa

Deputado Federal Valdevan Noventa

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Câmara Municipal de Aracaju aprova 17 proposituras nesta quarta-feira
Senar Sergipe abre inscrições para o curso de frangos e galinhas
Região Nordeste registra etanol mais caro do País nos primeiros dias do mês, aponta Ticket Log
Em nota, SSP diz que o delegado Marcelo Hercos permanece em estado grave, intubado e sedado