Aracaju, 22 de setembro de 2021

Belivaldo e ministro Roma participam de ação para fortalecimento de programas alimentar

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Foram entregues, de forma simbólica, cestas básicas por meio da Iniciativa Brasil Fraterno. Houve, ainda, a assinatura de convênio e doação de veículo

Nesta segunda-feira (16), o governador Belivaldo Chagas e o ministro da Cidadania, João Roma, participaram da ação ‘Isso é Cidadania’. No evento foram entregues, de forma simbólica, cestas básicas por meio da Iniciativa Brasil Fraterno, do governo federal, a 23 comunidades localizadas em 15 municípios sergipanos. Além disso, houve a assinatura de convênio e doação de veículo.

Em seu discurso, o governador Belivaldo Chagas ressaltou o fortalecimento de políticas públicas de assistência social no estado e a importância do apoio de todos os entes federativos. “Empreendemos ações, neste momento de dificuldades, principalmente por conta da pandemia. No primeiro momento, o CMais Inclusão, no qual disponibilizamos recursos para garantir alimento para aquele cidadão que não recebia nenhum outro auxílio, aproximadamente 30 mil pessoas. Tenho certeza que isso ajudou a matar a fome de muitas pessoas e, por conta disso, criamos esse programa de forma permanente, beneficiando, aproximadamente 6 mil pessoas, independente de pandemia, e estamos estudando a possibilidade de ampliar para dez mil pessoas, porque a gente sabe o quanto é complicado a questão da insegurança alimentar. E agora, a gente acaba de implantar, com apoio da Assembleia Legislativa, o Pró-Sertão Bacia Leiteira, por meio do qual 3.700 pequenos produtores de leite, que possuem até 10 vacas, no momento do verão, da necessidade, da seca, tenha esse apoio. A expectativa é a gente poder ampliar para mais municípios e chegar até 6 mil beneficiados. Então é desta forma, unindo forças, buscando apoio, que a gente vai conseguir atravessar esse momento de dificuldades”, pontuou o governador.

Na ocasião, foi autorizada a liberação de recursos no valor de R$ 3.000.824,15, para o programa Alimenta Brasil, na modalidade de incentivo à Produção e ao Consumo de Leite. O programa traz como objetivo contribuir para o abastecimento alimentar de famílias em situação de vulnerabilidade social por meio da distribuição gratuita de leite, além de incentivar a produção pelos agricultores familiares para fortalecer o setor produtivo local e a agricultura familiar.

“É uma ação coordenada que visa cada vez mais ampliar não só o envio de cesta básica, mas o fortalecimento de programas da segurança alimentar e nutricional, como Alimenta Brasil, o Programa de Aquisição de Alimentos, que garante aos produtores da agricultura familiar a aquisição da sua produção pelo estado. A gente também assinou um convênio com o Governo de Sergipe para ampliar os recursos para o PAA Leite, o que sem dúvida nenhuma, fortalece o quesito não só da segurança alimentar nutricional, com envio de leite para famílias carentes, mas também é uma importante ferramenta para fortalecer a produção rural, em especial, àqueles que estão na bacia leiteira, muitas vezes prejudicados por questão de estiagem. Portanto, o PAA Leite vem estruturar essas produções gerando produtividade e emprego”, explicou o ministro João Roma.

Já à doação do veículo, Volkswagen Crossfox, foi destinada à Obra Social Nossa Senhora da Glória – Fazenda da Esperança São Miguel, que atua na recuperação de dependentes químicos município de Lagarto (SE) e região.

Brasil Fraterno

A entrega das cestas de alimentos faz parte da Iniciativa Brasil Fraterno, que conta com a parceria do Sistema Faese/Senar, em Sergipe. A Iniciativa Brasil Fraterno, rede de solidariedade criada em março pelo Ministério da Cidadania, tem o objetivo de promover a segurança alimentar de famílias em situação de vulnerabilidade social, em especial no período da pandemia da Covid-19.

Foram beneficiadas as comunidades quilombolas Mocambo, em Aquidabã; Maloca, em Aracaju; Pontal da Barra, na Barra dos Coqueiros; Rua dos Negros, em Canindé de São Francisco; Fazenda Pirangi, Terra Dura e Coqueiral e Canta Galo, em Capela; Povoado Forte, em Cumbe; Bongue, em Ilha das Flores; Desterro, em Indiaroba; Ladeiras, em Japoatã; Mussuca, em Laranjeiras; Aningas, em Pirambu; Serra da Guia, em Poço Redondo; Lagoa do Junco, em Poço Verde; Quebra Chifre/Bela Vista, em Riachuelo; e Bode, Cajazeiras, Crasto, Pedra D’ Água, Pedra Furada, Rua da Palha e Taboa, em Santa Luzia do Itanhi. A entrega das Cestas básicas contou com a parceria do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

De acordo com a secretária de Estado da Inclusão e Assistência Social, Lucivanda Nunes Rodrigues, as cestas serão estendidas também aos demais municípios sergipanos, numa iniciativa do governo do Estado.  “Além das comunidades que estão sendo beneficiadas aqui, o governador Belivaldo já nos autorizou a completar, incluindo todas as comunidades quilombolas de Sergipe, a receberem o benefício das cestas de alimentos. Portanto, é um dia muito importante para assistência social, é um divisor de águas, no qual a gente pode compartilhar tanto as realizações quanto as necessidades, e somarmos esforços no âmbito federal, estadual e municipal em benefício da assistência de Sergipe”, destacou.

Segundo o prefeito de Indiaroba, Adinaldo do Nascimento, a ação é fundamental para a comunidade quilombola de Desterro.  “É sempre importante contarmos, com parceiros, como o Governo do Estado e nesse momento específico, o Ministério da Cidadania, que cumpre esse papel fundamental para nós, a aquisição das cestas básicas para o quilombo do Desterro e o Centro de Referência da Assistência Social que é uma demanda antiga e importante pra nós. A partir desse momento, as nossas famílias poderão ter, em breve, mais um instrumento fundamental com dignidade para que possa ser atendida com o respeito que é pertinente a elas”, enalteceu.

Presenças

A solenidade contou com ainda com as presenças da vice-governadora Eliane Aquino, os deputados federais Fábio Reis, Fábio Mitidieri, Bosco Costa, Gustinho Ribeiro e Laércio Oliveira; Ronaldo Bento, chefe de Assuntos Estratégicos do Ministério da Cidadania; os deputados estaduais Luciano Bispo (pres.da Alese), Luciano Pimentel, Zezinho Sobral, Capitão Samuel, Jairo de Glória e Adaílton Martins; o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira; o secretário estadual, José Carlos Felizola (SEGG); Cristiano Cavalcante (pres. da Fames); Ivan Sobral (pres.da Faese); José Nascimento (Conaq-SE), Dona Zefa da Guia, dentre outras autoridades.

Foto: Arthuro Paganini

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Câmara Municipal de Aracaju aprova 17 proposituras nesta quarta-feira
Senar Sergipe abre inscrições para o curso de frangos e galinhas
Região Nordeste registra etanol mais caro do País nos primeiros dias do mês, aponta Ticket Log
Em nota, SSP diz que o delegado Marcelo Hercos permanece em estado grave, intubado e sedado