Aracaju, 25 de setembro de 2021

Coronel Rocha: Nunca antes na história deste país…

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

*Coronel Rocha

A eleição de Jair bolsonaro em 2018 não apenas quebrou a hegemonia da esquerda em todas as eleições na pós redemocratização,  como fragmentou uma relação promíscua entre o poder executivo com parte da grande imprensa nacional, parte do legislativo,  grandes conglomerados empresariais e o pior, com as cortes superiores.

Não se faz necessário citar grandes pensadores, sociólogos ou filósofos para que o povão, a grande massa de nossa população compreenda o que foi feito da Petrobras,  dos fundos de pensão,  do mensalão,  do petrolão e tantos outros desvios de recursos públicos. Malas de dinheiro apreendidos, dinheiros na cueca, pedaladas fiscais, sítios e apartamentos, contas milionárias na Suíça,  em Miami,  enfim, sabemos de tudo isso.

Todavia nunca antes na história desse país, ao menos na história democrática,  um presidente foi tão aviltado por ministros do STF,  impedindo inclusive a governabiludade do país.  Basta lembrar a determinação do STF para que o governo federal não interferisse nas políticas públicas de saúde nos Estados e municípios , restando apenas ao governo federal o repasse de verbas, o que foi feito.

O STF também interferiu nas indicações de livre escolha e nomeação,  de competência exclusiva do presidente da República.  Vide a nomeação do diretor da Polícia Federal.

Mesmo assim, o presidente Bolsonaro cumpriu as determinações dos ministros.

Mas sem sombra de dúvidas,  a maior ousadia e atentado contra a liberdade dos brasileiros é a censura prévia a liberdade de expressão do nosso povo. A prisão do deputado federal Daniel Silveira por crime de opinião em pleno exercício do mandato parlamentar é o maior exemplo dessa violação de direitos por parte do STF.

Mas não para por aí, jornalistas, sites, cantores, artistas dentre outras pessoas, estão sendo presas ou privadas de direitos por cometerem o “crime hediondo” de TER OPINIÃO.

Finalizo estas reflexões reafirmando meu apoio ao governo do Presidente Jair Bolsonaro e convido a todos os brasileiros que desejam um Brasil livre de qualquer tirania,  inclusive a do judiciário (STF), a se manifestar de todas as formas possíveis (e dentro da lei) no dia 7 dd setembro.  Compareça as manifestações de sua cidade, use roupas verde e amarelo, hasteie sua bandeira do Brasil. Poste uma foto ou um vídeo nas mídias sociais.

OU FICAR A PÁTRIA LIVRE

OU MORRER PELO BRASIL!

*Henrique Alves da Rocha – CORONEL PM RR

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Polícia prende mulher que praticou roubo de motocicleta no Bugio
Enock Ribeiro, secretário Socorro, recebe Título de Cidadão Sergipano
Eliane participa reunião com articuladores do Selo UNICEF
Fábio Reis assina ordem de serviço para pavimentar povoado