Aracaju, 21 de setembro de 2021

Movimento Inova + Sergipe busca apoio da Sedetec para suas demandas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Com o objetivo de fortalecer as áreas de Ciência, Tecnologia e Inovação, os atores do ecossistema de inovação através do projeto Inova + Sergipe, apresentaram uma pauta de interesses para a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sedetec), entregue ao secretário de Estado, José Augusto Carvalho.

Estiveram presentes na reunião, as startups sendo representadas pelo Caju Valley, ASSEDIS, Federação das Indústrias (FIES) e Universidade Federal de Sergipe. O Sinformática e a Câmara de Tecnologia e Inovação da Fecomércio foram representados pelo coordenador do Inova + Sergipe, Roger Barros. A pauta, composta por nove itens, tem o objetivo de adequar o Estado através de uma nova Lei de Tecnologia e Inovação, com foco no crescimento das atividades e facilidade para empreender, estimulando a geração de emprego e renda para as pessoas, por meio de projetos inovadores em Sergipe.

Ações a exemplo de estimular o ecossistema local para a Lei Estadual de Inovação, que dispõe sobre incentivos à pesquisa, ao desenvolvimento científico e tecnológico e à inovação no âmbito produtivo do Estado de Sergipe e institui o Sistema Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação. O empoderamento, ampliação e participação contínua do Conselho Estadual de Ciência e Tecnologia do Estado de Sergipe – CONCIT nas definições de políticas, estratégias e ações, com a liderança do Secretário de Estado, ampliando a captação de recursos, a elaboração estudos e articulando parcerias para estimular o ambiente produtivo de inovação, científico e tecnológico, estão entre os pontos destacados no documento entregue ao secretário José Augusto.

Além disso, também foi pedida a priorização das instituições estaduais de pesquisa, desenvolvimento, inovação e fomento, com lideranças competentes, que trabalhem de forma sinérgica e harmoniosa para o crescimento qualitativo e quantitativo da produção científica e tecnológica, de produtos e serviços inovadores e a formação de alto nível de pessoas. O coordenador do Inova + Sergipe e da Câmara Empresarial de Tecnologia e Inovação, Roger Barros, comentou sobre a reunião com o secretário, destacando a necessidade de continuar promovendo melhorias para o ecossistema de inovação no estado.

“Estivemos na Sedetec para conversar com o secretário José Augusto sobre a modernização da Lei de Inovação, que nos recebeu muito bem. O Inova + Sergipe criou um grupo de trabalho e reuniu seus atores para elaboração de uma nova minuta da lei abrangendo o novo marco legal da Internet e das startups, a fim de modernizar e criar um ambiente propício à atração de investimentos, criação de novos projetos, novas empresas, startups e captação de recursos. Entregamos ao secretário pedindo urgência na apreciação do projeto, para que possa ser encaminhado para a Alese”, disse Roger.

Também foi pedida a definição clara do papel do SERGIPETEC como indutor para atração de projetos e negócios inovadores para o nosso Estado com fortalecimento do nosso ecossistema de inovação através do apoio a startups e proporcionar uma melhor estrutura para a FAPITEC a fim de poder captar mais recursos através da melhor gestão de projetos e editais na área de Ciência, Tecnologia e Inovação.

Fonte e foto Fecomércio

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Manuel Marcos destaca importância do Plano Diretor de Aracaju
HNSC promove palestra sobre Setembro Amarelo a servidores e pacientes
Servidores públicos reconhecem a atuação de Fábio Henrique contra a Reforma Administrativa
Sergipe: Sindicatos pedem que deputados digam não à reforma Administrativa