Aracaju, 22 de setembro de 2021

Sistema Hapvida lança projeto de valorização e desenvolvimento profissional

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Entre os destaques do Projeto Evoluir estão a digitalização da jornada do colaborador e a implementação do plano de cargos e carreiras

Faz parte da missão do Sistema Hapvida investir em suas equipes, nas mais diversas áreas da empresa, reforçando, cada vez mais, a valorização das pessoas. Diante disso, o time de Gente, Gestão e Diversidade lançou o Projeto Evoluir, que já está em prática na empresa. Segundo a diretora de Desenvolvimento e Cultura do Sistema Hapvida, Lange Velludo, o objetivo do projeto é a valorização e reconhecimento das pessoas. Para isso, o projeto priorizou a jornada do candidato e do colaborador, o plano de sucessão, remuneração e a diversidade, sempre acompanhada pelos resultados esperados. “A iniciativa traz a importância do colaborador desde a sua identificação passando por todas as oportunidades de carreiras e reconhecimento que terá em nossa empresa”, afirma a executiva.

De acordo com Lange, na frente de cultura, nesse primeiro momento, foi realizado um diagnóstico para um alinhamento de todos os processos, comportamentos, rituais e símbolos. A partir dessa etapa, começou o processo de construção da cultura desejada para a companhia. Os próximos passos consistem em consolidar os comportamentos, hábitos e costumes no dia a dia, para sustentar a estratégia de crescimento e do resultado financeiro a caminho da evolução de forma coletiva por meio de uma jornada de valorização das pessoas para a melhor performance.

O processo de digitalização da jornada do candidato e colaborador prevê facilitar e aproximá-los para todas as oportunidades, tendo a tecnologia como aliada em todo o Brasil, para que as pessoas possam conhecer as possibilidades e crescerem juntos com a empresa. Já o plano de sucessão tem como objetivo aumentar a efetividade, por meio do mapeamento de talentos, ciclo de gente focado em potencial e resultados e muito mais. Além disso, esse desenvolvimento da liderança será o grande responsável por proporcionar e multiplicar a consolidação da cultura desejada do Hapvida.

Na frente de remuneração do projeto, a empresa conta com a implementação do plano de cargos e carreiras que, além de adequar a sua cultura ao modelo nacional de cargos, equaliza a hierarquia em todas as regiões do Brasil e prepara os colaboradores Hapvida para novos desafios.

A diversidade chega com a proposta de transformar o ambiente corporativo em um lugar muito mais diverso e inclusivo para todos, respeitando a individualidade e toda a pluralidade que temos em todas as cidades em que atuamos. “Nesse primeiro momento, o Hapvida se tornou signatário de diversas frentes como ONU Mulheres, Fórum LGBTI+ e da Rede Empresarial de Inclusão Social (REIS). Além disso, o manifesto da diversidade desenvolvido servirá como um guia para os próximos passos de desenvolvimento da empresa”, pondera Lange, que ainda ressalta os impactos positivos que a implementação do projeto proporcionará à empresa e seus colaboradores.

Com esse projeto, a empresa proporciona vivências relevantes para os colaboradores, além de criar um elo entre as pessoas e a estratégia da organização, consolidando a cultura e sempre valorizando as potencialidades das pessoas.

Fonte e foto assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Câmara Municipal de Aracaju aprova 17 proposituras nesta quarta-feira
Senar Sergipe abre inscrições para o curso de frangos e galinhas
Região Nordeste registra etanol mais caro do País nos primeiros dias do mês, aponta Ticket Log
Em nota, SSP diz que o delegado Marcelo Hercos permanece em estado grave, intubado e sedado