Aracaju, 23 de setembro de 2021

Por falta de transparência, Ricardo Marques vota contra PL que solicita R$ 500 milhões

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O vereador Ricardo Marques (Cidadania) votou contra o Projeto de Lei de número 216/2021, enviado pela Prefeitura de Aracaju, que solicita um empréstimo de 84 milhões de dólares (quase R$ 500 mil), para ser analisado e votado pelos vereadores da capital com o objetivo de aprovar o programa ‘Cidade do futuro”. Durante sessão realizada nesta quarta-feira (25), o projeto entrou em votação em caráter de urgência e o parlamentar avaliou que faltou transparência e coerência.

“Eu sigo as minhas convicções e continuo com minha coerência. Sempre disse que não sou contra investimentos, porém para o volume do empréstimo era importante que o projeto fosse apresentado com mais transparência e garantias da aplicabilidade para algumas áreas”, explica o vereador.

O parlamentar lembrou que na semana passada, ficou reunido com outros vereadores durante algumas horas discutindo esse projeto e uma emenda de autoria da vereadora Emília Corrêa foi aprovada pela maioria.

“A emenda indicava que recursos direcionados a Saúde, Educação e Assistência Social fossem preservados. Votei ‘sim’ nessa emenda. Mas a prefeitura reenviou o PL solicitando que a emenda aprovada anteriormente fosse retirada do projeto final. Muito me preocupa esse empréstimo, seu uso e o possível endividamento da cidade no futuro. Precisamos ter responsabilidade com a coisa pública”, defende.

Ricardo lamentou a retirada da emenda que salvaguardava recursos da Saúde, Educação e Assistência Social. “Não votei ‘sim’ por esta razão. Eu votei ‘não’, por entender que o projeto alterado pelo poder executivo carecia de transparência e falta de maiores detalhes onde será aplicado e como será gasto esses milhões de reais. Não sou contra obra, sou a favor da transparência e respeito para com o dinheiro da população”, defende.

Levando em consideração que constantes empréstimos são solicitados e aprovados pelo legislativo com o objetivo de fazer grandes obras para a população, mas o que vemos na prática são apenas reformas ou ajustes. E mais: muitas dessas obras ou investimentos demoram infinitamente para serem concluídos como a obra do corredor da Hermes Fontes e outros corredores de ônibus, e os semáforos inteligentes que não funcionam. Tudo isso deve ser avaliado com muito cuidado”, alerta Ricardo.

Desde o início do seu mandato, o vereador que trabalha com transparência com a população, tem buscado melhorias para os moradores de todas as regiões da capital, inclusive da Zona de Expansão. São indicações, requerimentos e fiscalizando de perto onde está sendo investido cada centavo. “Continuarei a fazer enquanto for vereador. Acompanharei de perto todas as obras que serão feitas”, garante.

Por Fredson Navarro

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Câmara Municipal de Aracaju aprova 17 proposituras nesta quarta-feira
Senar Sergipe abre inscrições para o curso de frangos e galinhas
Região Nordeste registra etanol mais caro do País nos primeiros dias do mês, aponta Ticket Log
Em nota, SSP diz que o delegado Marcelo Hercos permanece em estado grave, intubado e sedado