Aracaju, 19 de setembro de 2021

Seduc realiza cerimônia de premiação do Concurso Audiovisual

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) realizou na manhã desta sexta-feira, 27, no auditório Hermínia Caldas, na sede da Seduc, em Aracaju, a cerimônia de premiação do primeiro concurso Audiovisual e Literário da Rede Pública Estadual de Ensino intitulado “Escola Mais Segura: Um cuida do outro”.

O concurso ocorreu com o objetivo de identificar, valorizar e dar visibilidade à produção audiovisual, literária e artística dos estudantes matriculados na rede pública estadual, bem como para promover reflexões e difundir os protocolos voltados à prevenção e combate à covid-19. A iniciativa contou com o apoio do Ministério Público do Trabalho de Sergipe (MPT/SE) e do Ministério Público de Sergipe (MPSE).

Para o superintendente executivo da Seduc, José Ricardo de Santana, o desafio da Secretaria nesse momento da pandemia do novo coronavírus é atender a todos os cuidados necessários para receber a comunidade escolar. “Para enfrentar esse desafio, construímos uma Frente Sanitária que cuida dessa categoria nas escolas, e o concurso entra para nos ajudar com os estudantes. São eles que por diversas vezes lembram um e outro quais são os cuidados que se devem ter em espaços compartilhados. Então, é importante também que nesse caminho possamos contar com boas parcerias, como do Ministério Público de Sergipe e do Ministério Público do Trabalho de Sergipe (MPT)”, concluiu.

De acordo com a diretora do Departamento de Apoio ao Sistema Educacional (Dase), Eliane Passos, o concurso faz parte de um conjunto de ações que visam a estimular a produção criativa dos estudantes em todas as etapas de ensino da Educação Estadual. “Esse concurso cumpre o objetivo de fazer os estudantes incorporarem as orientações constantes nos protocolos sanitários, colocando-os em prática como disseminadores das informações nas comunidades em que eles atuam como estudantes e também na realidade que vivem em casa”, disse.

“A Seduc tem sido um grande parceiro na área da Infância e Adolescência em diversos momentos junto ao Ministério Público de Sergipe. Sabemos que a educação é e sempre será o caminho, e nessa caminhada somamos esforços com a Seduc neste concurso”, ressaltou a promotora de Justiça, Maria Lilian Mendes Carvalho. Já o procurador do Ministério Público do Trabalho relatou a experiência que é ser premiado em um concurso escolar. “Este momento me leva para a escola onde estudei em Gararu, na qual ganhei um concurso de redação. Ser reconhecido por um texto ou outra atividade que fazemos nos causa uma alegria imensa, e é isso que estamos vivenciando hoje aqui diante dessa parceria com a Educação”, concluiu.

O concurso foi dividido em duas categorias: Literário e Audiovisual. Participaram dele estudantes do Ensino Fundamental, 8º e 9º anos (EJA e convencional) e Ensino Médio (Integral, EJA, Pré-Universitário e convencional) com os respectivos professores orientadores, matriculados e pertencentes às escolas integrantes da rede pública estadual de Sergipe. Os três primeiros colocados de cada categoria foram premiados com os seguintes itens: para os estudantes, um smartphone Samsung Galaxy A01 core DT; já os professores receberam um HD Externo Adata 1TB e um KIT Ring Light de mesa, com tripé.

A estudante Alice Mendonça Mota, aluna do Colégio Estadual João XXIII, em Ribeirópolis, foi a primeira colocada na categoria Redação. “Estou me sentindo bastante privilegiada e feliz, e agradeço imensamente à escola que me proporcionou essa oportunidade. Eu não imaginava que ganharia porque estava sem expectativa, e foi uma grande surpresa alcançar essa conquista”, disse. O orientador de Alice, professor Fabrício Ricardo, que também foi premiado, destaca que o mérito foi todo dela. “Eu ajudei, mas Alice é uma estudante ativa, que gosta de estudar e aprender. Então eu contribuí com o incentivo e com algumas orientações em relação ao texto. É uma felicidade para mim como professor participar desse momento”, concluiu.

O jovem Everton Luiz Melo Santos, do Centro de Referência de Educação de Jovens e Adultos Prof. Severino Uchôa, em Aracaju, não conteve a alegria. “Primeiramente estou muito feliz em poder participar do concurso e também de ganhar em primeiro lugar, porque é mais uma experiência para acrescentar na minha vida”, disse.

Assessoria de Comunicação da SEDUC

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Sergipe receberá mais de 64 mil vacinas contra Covid-19
Prefeitura em Ação é realizado no Povoado Mata do Peru
Jovem é presa suspeita de tráfico de drogas no bairro Olaria
VacinAju: confira a programação da repescagem e dose de reforço do fim de semana