Aracaju, 25 de setembro de 2021

Trabalho remoto: Mais um problema para a saúde pública no Brasil

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Por: Dra. Andréia Braga

Trabalhar em casa sempre foi um sonho de muitas pessoas que tem uma rotina exaustiva, porém com o avanço da pandemia do corona vírus a maioria das grandes e pequenas empresas tiveram que optar pelo trabalho remoto de seus funcionários. Essa mudança na rotina de trabalho traz benefícios para empregados e empregadores?

No ano de 2017 foi sancionada a nova CLT (Consolidação das leis trabalhistas) que flexibiliza no trabalho medidas de prestação remota de serviços passando a ser aceita na legislação brasileira a partir dessa data. Também conhecido como tele trabalho, nesse tipo de prestação de serviços fica muito difícil do empregador controlar a jornada de trabalho de cada funcionário, o que ele pode é cobrar apenas pelos atrasos.

Além do mais é importante salientar que esse tipo de trabalho quando se estende por longos períodos podem levar a mudanças drásticas e prejudicais não só para as interações humanas como também para a suade física e mental dos trabalhadores, a exemplo do isolamento social.

As mudanças na rotina de trabalho tanto para empregados, quanto para empregadores, podem gerar diversos transtornos de ordem física, social, econômica e mental. Portanto essas alterações não trazem benefícios para ambas as partes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Polícia prende mulher que praticou roubo de motocicleta no Bugio
Enock Ribeiro, secretário Socorro, recebe Título de Cidadão Sergipano
Eliane participa reunião com articuladores do Selo UNICEF
Fábio Reis assina ordem de serviço para pavimentar povoado