Aracaju, 26 de setembro de 2021

DHPP elucida homicídio e tentativa de homicídio em Parque de Diversões

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) concluiu as investigações referentes a um homicídio e a uma tentativa de homicídio praticados em um parque de diversões montado na “Arena Siri”, localizada no Conjunto Fernando Collor, em Nossa Senhora do Socorro. Os crimes aconteceram no dia 07 de agosto deste ano.

Segundo as investigações, o suspeito efetuou vários disparos de arma de fogo contra Geovane Conceição do Lírio, que veio a óbito, na área externa do parque de diversões. Após o crime, o autor dos disparos foi perseguido por outro homem, que seria um amigo de Geovane Conceição, dentro do parque.

Ainda conforme o apurado pelo DHPP, disparos foram feitos contra o autor do homicídio de Geovane, causando pânico nos presentes. Os disparos chegaram a atingir o autor do homicídio, que foi socorrido, mas se encontra atualmente sem o movimento dos membros inferiores.

As prisões preventivas dos envolvidos nos crimes foram representadas e o mandado de prisão do autor da tentativa de homicídio foi cumprido nesta manhã, pelos policiais civis do DHPP, no Loteamento Pau Ferro, no bairro Cidade Nova, em Aracaju. O preso foi encaminhado para a 1ª Delegacia Metropolitana (1ª DM), onde permanecerá à disposição da Justiça enquanto não for recambiado para estabelecimento prisional.

Já o autor dos disparos contra Geovane, por conta do seu estado de saúde, sofreu medidas cautelares diferentes da prisão, definidas pela 2ª Vara Criminal de Nossa Senhora do Socorro.

Fonte e foto SSP

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Sergipe recebeu neste sábado 10.250 doses de vacina contra covid-19, da AstraZeneca
Polícia prende mulher que praticou roubo de motocicleta no Bugio
Enock Ribeiro, secretário Socorro, recebe Título de Cidadão Sergipano
Eliane participa reunião com articuladores do Selo UNICEF