Aracaju, 19 de outubro de 2021

Congresso em Pauta debate acessibilidade para deficientes

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

No próximo dia 21 de setembro é celebrado o Dia Nacional da Luta da Pessoa Com Deficiência (PCD). Para auxiliar esse público, tramitam no Congresso Nacional o Projeto de Lei (PL) 1.090/2021 e o Projeto de Emenda à Constituição (PEC) 12/2021.

O assunto foi o tema do programa Congresso em Pauta, desta quinta-feira, 16. O jornalista e pessoa com deficiência visual, Lucas Aribé, foi o entrevistado e debateu os avanços garantidos pelos projetos caso sejam aprovados.

O PL 1.090/2021 altera a Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015, que institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Ele assegura a acessibilidade na internet.

“Nem todos os sites oferecem os mecanismos necessários para você ter acessibilidade. O Brasil tem menos de 1% dos sites trazendo essa acessibilidade como deve ser, alguns têm alguns mecanismos, mas a lei determina que todos os mecanismos precisam estar no site. O PL vem trazer de forma mais clara essas exigências”, falou.

Entre outros pontos, os sites precisam ter atalhos para acesso – para que pessoas com deficiência motora possam utilizar -, sites em português para leitores de tela – para deficientes visuais -, tradução em libras – para surdos.

E a PEC 12/2021 institui Libras como idioma oficial do Brasil. “Já temos o reconhecimento em algumas leis, mas a Constituição não reconhece, então o impacto disso será difundir o conhecimento das Libras nas escolas. Assim, quando a pessoa surda chegar em espaços públicos, como supermercados e bancos, poderá se comunicar”.

No entanto, existem iniciativas que vão de encontro ao avanço, segundo Lucas Aribé. Ele falou que o Decreto 10.502 faz o retorno das escolas especiais, promovendo a segregação das pessoas com deficiência.

“A gente não pode aceitar que a educação especial volte, fazendo com que pessoas cegas só convivam com pessoas cegas, pessoas surdas só com pessoas surdas. Todas as pessoas precisam interagir. A gente precisa que o Poder Público promova a inclusão”, afirmou.

A partir do próximo domingo, 19, até o dia 26, será realizada a 9ª Semana Aracaju Acessível. Lucas Aribé convidou a todos para participar do evento que terá cunho cultural, esportivo e educativo, com o tema ‘O poder transformador da ação inclusiva’.

“Se cada um fizer a sua parte, o setor empresarial, a sociedade civil, o poder público, o judiciário, a gente vai conseguir avançar nesse entendimento e trazer conquistas para as pessoas”, declarou.

O Programa Congresso em Pauta é exibido às terças, quartas e quintas-feiras, às 9h30. Também está disponível no canal do Youtube da TV Alese.

Foto: Pixabay

Por Wênia Bandeira

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

“Mais ciclistas estão morrendo e precisamos agir rápido”, diz Breno 
Vereador Cícero pede urgência em obras de pavimentação no Bairro Santa Maria
Aracaju lança projeto para infraestrutura de dados espaciais
Editora Seduc divulga o resultado preliminar das obras selecionadas para publicação