Aracaju, 22 de outubro de 2021

Cassado e condenado pelo TSE, Jerônimo Reis tem aposentadoria de R$ 18.690,24

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Cassado e condenado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por improbidade administrativa, o ex-deputado federal Jerônimo Reis (MDB) recebe mensalmente uma aposentadoria de R$ 18.690,24, paga pelo Congresso, segundo informações divulgadas pelo portal de notícias Metrópoles.

Segundo o Metrópoles, a Câmara Federal cassou o mandato de Jerônimo Reis (MDB-SE) em agosto de 2010, atendendo ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que condenou o ex-deputado por improbidade administrativa por nomear funcionários fantasmas quando era prefeito do município de Lagarto, em Sergipe.

Veja os deputados que foram condenados:

Roberto Jefferson (PTB-RJ) – R$ 23.344,70; Pedro Corrêa (PP-PE) – R$ 22.380,05;    Jerônimo Reis (MDB-SE) – R$ 18.690,24; Juvenil Alves (PRTB-MG) – R$ 17.556,76; Carlos Benevides (MDB-CE) – R$ 12.070,27; Raquel Cândido (PTB-RO) – R$ 12.070,27; José Dirceu (PT-SP) – R$ 9.646,57; José Geraldo (MDB-MG) – R$ 8.778,38; Narciso Mendes (PP-AC) – R$ 8.778,38.

Com informações de Metropolis

Leia matéria completa aqui

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Caixa d’água descoberta Santa Luzia vira pousada para urubus
Câmara do Jovem Empresário apresenta plano de estímulo aos negócios em Sergipe
Polícia Civil frustra entrega de droga no município de Itabaiana
Sergipe recebe mais de 92 mil doses de vacina contra a covid-19, nesta sexta-feira