Aracaju, 22 de outubro de 2021

Trabalhadores da saúde aprovam proposta de emenda sobre Piso Nacional da Enfermagem

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Os auxiliares e técnicos de enfermagem, representados pelo Sindicato dos Trabalhadores da Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa), aprovaram por unanimidade a proposta de emenda da senadora Eliziane Gama (Cidadania/MA) ao Projeto de Lei 2564, que cria o Piso Nacional da Enfermagem para a jornada de 30 horas semanais.

A deliberação ocorreu, na manhã desta sexta-feira, 24, durante Assembleia Extraordinária Virtual, através da plataforma Zoom, baseada na orientação da Federação do Nordeste e da Confederação Nacional dos Trabalhadores da Saúde, órgãos aos quais o Sintasa é filiado, que pediram para que os sindicatos de cada estado se reunissem com a categoria para fazer a votação.

Participaram da assembleia o presidente do Sintasa, Augusto Couto, as diretoras Maria de Lourdes e Maria Edite, além do gerente-administrativo Janderson Alves.

PL 2564

A proposta da senadora Eliziane Gama, que foi construída com a participação de sindicatos e conselhos de enfermagem, fixa pisos para enfermeiras (os), auxiliares e técnicas (os) de enfermagem vinculados à jornada de 30 horas semanais. Confira abaixo a tabela com os valores dos pisos, calculados dentro da previsão de proporcionalidade previsto na emenda.

O piso para técnico de enfermagem, de acordo com proposta de emenda da senadora Eliziane Gama, ao PL 2564, equivale a 70% do piso para enfermeira. Já o piso do auxiliar de enfermagem equivale a 50% desse mesmo valor. Esses valores aumentam na mesma proporção em que aumenta a carga horária desses profissionais. Além de fixar os pisos, a proposta prevê reajustes anuais para a categoria de acordo com o índice da inflação (INPC).

Com a concordância dos profissionais da enfermagem, a senadora Eliziane Gama vai encaminhar proposta de emenda ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. O projeto original, o PL 2564, é de autoria do senador Fabiano Contarato.

Sintasa com informações da CNTS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Prefeitura de Barra e Sebrae realizam curso para microempreendedor individual
Plantação de maracujá na irrigação estadual dá frutos de alta qualidade
SES capacita profissionais sobre notificação da violência
Caixa d’água descoberta Santa Luzia vira pousada para urubus