Aracaju, 20 de outubro de 2021

Seduc e Cesgranrio promovem capacitação para aplicação do Saese

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), em parceria com a Fundação Cesgranrio, promoveu no último sábado, 2, uma capacitação para os coordenadores estaduais, subcoordenadores e coordenadores de polo de aplicações dos 31 polos do Sistema de Avaliação da Educação Básica de Sergipe (Saese), que acontecerá no período de 18 a 29 de outubro, com todos os alunos do 2º, 5º e 9º anos do ensino fundamental e 3ª série do ensino médio, com foco nos componentes curriculares de Língua Portuguesa e Matemática. A formação foi realizada no Aquários Praia Hotel, em Aracaju, e foi ministrada por Suely da Silva Rodrigues, doutora em Educação e coordenadora geral do processo do Saese na Fundação Cesgranrio.

O encontro contou com a participação da professora Joniely Cruz, diretora da Coordenadoria de Estudos e Avaliação Educacional (Ceave), que representou o secretário de Estado da Educação, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho; e da professora Kátia Suzane Araújo, chefe do Serviço de Avaliação da Ceave. O curso de capacitação teve a duração de oito horas, e o foco foi o trabalho com as características da aplicação, as atividades e atribuições do coordenador de polo, e todo o aspecto de agendamento e reagendamento das aplicações junto às escolas. Além disso, foi trabalhado também o atendimento especializado, bem como as atividades práticas de estudos de caso de como a aplicação será conduzida dentro do contexto de pandemia da covid-19. Sobre isso, a professora Joniely Cruz explica que neste ano, de forma excepcional, cada turma será dividida em dois grupos, em salas separadas, com dois aplicadores conduzindo o processo.

“Essa formação teve como um dos principais objetivos preparar os coordenadores de polo para que eles conduzam esse processo nos polos de sua responsabilidade. Cada polo de aplicação é responsável por um conjunto de escolas e municípios, tanto da sede- polo, como os circunscritos. O coordenador precisa entender como se dá esse processo para que faça essa formação com os seus aplicadores e que a gente tenha uma parametrização, um controle de qualidade no processo. Onde quer que os estudantes estejam, seja em escola da rede estadual ou municipal, o padrão e os critérios de aplicação e as condições ofertadas precisam ser as mesmas”, afirmou.

Ainda durante a formação foram repassadas informações sobre o Sistema de Agendamento e Controle da Aplicação da Cesgranrio e toda a parte de logística para que esse processo possa atingir as escolas nos mais distintos locais. Os participantes ainda puderam conhecer um pouco mais sobre o manuseio dos instrumentos de aplicação, com exceção da prova. “Todos os atores que participarão da aplicação assinarão um termo de sigilo, compromisso e confidencialidade”, explicou Joniely Cruz.

Ela ressaltou ainda que, além das provas para os estudantes, haverá questionários para diretores, professores e alunos. Os questionários para os gestores e professores serão online, podendo ser acessados a partir desta segunda-feira, 4, a partir do link disponibilizado pelo coordenador de polo após o agendamento. Já para os estudantes, será direcionado aos alunos a partir do 5º ano. O questionário será impresso, anexo ao cartão-resposta. Além das perguntas relacionadas aos dados contextuais, foram inseridas questões acerca dos impactos da pandemia no contexto da vida dos gestores, professores e estudantes.

No próximo final de semana, dias 8 e 9, os coordenadores de polo vão replicar o que aprenderam, e realizarão o processo de formação com o seu time de apoio logístico de polo e seus aplicadores, que estarão conduzindo a aplicação do Saese nas escolas.

Assessoria de Comunicação da SEDUC

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Simula Enem aplicado presencialmente em todos polos Preuni
Belivaldo mostra o “dever de casa” que fez nas contas do Estado para “Sergipe avançar”
18 anos do Bolsa Família são destacados pelo deputado João Daniel em sessão da Câmara
Com 6ª alta consecutiva, preço da gasolina já está 12% mais caro nas primeiras semanas de outubro