Aracaju, 19 de outubro de 2021

Maitê Proença fala da vida pessoal: ‘Não tenho preconceito’

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Maitê Proença comentou as reprises de novelas que fez (estão no ar “Vereda tropical” e “O Salvador da Pátria”, por exemplo, ambas do Globoplay) e falou pela primeira vez sobre sua relação com a cantora Adriana Calcanhoto.

— As pessoas são pessoas, né? Não tenho nenhum tipo de preconceito, mas também não sei… Às vezes é bom abrir uma frente nova…  Não sei se as pessoas incentivam. Porque talvez elas não saibam exatamente que tipo de… Como é a relação… Eu acho que não é hora de falar porque não é hora de falar. Então, acho que algumas áreas da vida da gente têm que ficar preservadas. Quando as coisas ficarem claras, assim que a gente puder falar, será falado. Não tem porque não. Por enquanto, acho que não está na hora — disse a atriz no canal “Rap 77”, de Júnior Coimbra. O conteúdo irá ao ar nesta terça (5) à noite.

Maitê Proença, que nas suas redes compartilha ensaios de textos sobre figuras da história e da cultura mundiais, disse ainda que se pronunciou a respeito de Adriana Calcanhoto numa publicação artística compartilhada no Instagram:

— Eu fiz um poema. Está escrito lá no poema. Aí as pessoas podem ir lá ver. Vão lá olhar o poema e, quem sabe, responde alguma pergunta. Sei lá, né? (risos).

Em setembro, após ler notícias de que estaria vivendo um romance com Calcanhoto, Maitê escreveu no Instagram:

“Tenho um mecanismo meio recorrente: quando minhas intimidades são expostas, me recolho e rearrumo as paredes internas. Ando escrevendo. Talvez saia algo selvagem. Mas tb é possível que tudo vá parar no lixo”.

No Twitter: @PatriciaKogut

No Instagram: @colunapatriciakogut

No Facebook: PatriciaKogutOGlobo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Aracaju lança projeto para infraestrutura de dados espaciais
Editora Seduc divulga o resultado preliminar das obras selecionadas para publicação
Epecialistas orientam como alimentação pode prevenir câncer de mama
Procuradoria da Mulher: “Já existe, mas está difícil ser materializada”, afirma vereadora