Aracaju, 18 de outubro de 2021

TSE confirma afastamento da inelegibilidade de ex-prefeito do Rio, Marcelo Crivella

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Na mesma decisão, Marcelo Crivella recebeu multa de R$ 15 mil

Por Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta terça-feira (5) confirmar o afastamento da inelegibilidade do ex-prefeito do Rio de Janeiro Marcelo Crivella. Na mesma decisão, por unanimidade, os ministros aplicaram multa de R$ 15 mil ao ex-prefeito.

Crivella foi considerado inelegível por oito anos, em setembro do ano passado, em um julgamento do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ). Ele foi condenado por abuso de poder político, pela participação de funcionários da Companhia de Limpeza Urbana (Comlurb) em um encontro de apoio a seu filho, Marcelo Hodges Crivella, que concorria a deputado federal, em 2018, mas não se elegeu.

A inelegibilidade estava afastada desde outubro de 2020, quando o ministro Mauro Campbell Marques, por meio de uma liminar, concedeu pedido feito pela defesa. Crivella disputou as eleições do ano passado, mas foi derrotado pelo atual prefeito, Eduardo Paes (DEM).

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Mais de 10 milhões ainda não sacaram fundo do PIS-Pasep
Aracajuanos mergulham no universo percussivo cultural do sábado
Homem é preso suspeito de agredir a enteada com chutes em Socorro
Adepol/SE lamenta a morte do delegado de Polícia Marcelo Hercos