Aracaju, 23 de outubro de 2021

Universidade Tiradentes e MPF de Sergipe firmam novo convênio

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Com a parceria, estudantes atuarão na prática jurídica auxiliando a população sergipana.

A Universidade Tiradentes (Unit), por meio do curso de Direito e do Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ), vem atuando frente a diversos órgãos e instituições com o objetivo de firmar parcerias de cooperação técnico-científica e acadêmica para contribuir na formação dos estudantes da área. O último convênio foi celebrado entre a Unit e o Ministério Público Federal em Sergipe.

A iniciativa tem como finalidade viabilizar a atuação do NPJ na prestação de assistência jurídica gratuita a pessoas hipossuficientes em Acordos de Não Persecução Penal (ANPP) e de Não Persecução Cível (ANPC), firmados no âmbito do Ministério Público Federal.

“Esse convênio é muito importante, não somente para a prática jurídica pelos alunos do curso de Direito, mas especialmente para a população sergipana, considerando a inexistência de Defensoria Pública da União instalada nas Subseções Judiciárias em Sergipe (6ª, 7ª e 9ª Varas) para atuação na área de atribuição da Procuradoria da República e das Procuradorias da República nos municípios de Itabaiana, Estância e Propriá”, comenta Jéffson Menezes, coordenador do NPJ.

“Além disso, em alguns casos há ausência permanente em diversos processos judiciais, sendo a função instituída no artigo 134 da Constituição Federal, bem como na Lei Complementar nº 80/1994, exercida, circunstancialmente, por advogados e Núcleos de Práticas Jurídicas de instituições de ensino superior, na condição de defesa dativa, como ocorrerá com esse convênio”, acrescenta.

O coordenador destaca que a instituição de ensino possui instalação na área de atribuição dos municípios de Estância, Itabaiana e Propriá. “Há o funcionamento do Núcleo de Práticas Jurídicas com o intuito de fomentar a atividade profissional dos discentes do curso de graduação em Direito”, salienta.

“O departamento está apto a assumir o compromisso de atendimento e acompanhamento de pessoas hipossuficientes nas audiências extrajudiciais e judiciais para celebração de acordos de não persecução junto ao Ministério Público Federal”, complementa.

Entre outros convênios já firmados estão os com o Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe, a Justiça Federal de Sergipe, a Defensoria Pública do Estado e a Advocacia Geral da União.

Assessoria de Imprensa

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Polícia Civil de Estância realiza quatro prisões por tráfico de drogas no município
Aracaju suspende vacinação contra Covid durante o fim de semana 
Empresa ceramista sergipana inicia vendas e retoma fábrica
Terceiro sorteio da mega-semana da sorte pode pagar R$ 26,5 milhões neste sábado (23/10)