Aracaju, 1 de dezembro de 2021

Trocando seis por meia dúzia

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Por Adiberto de Souza *

Tem muita gente achando que o forte desgaste da classe política possibilitará em 2022 uma renovação sem igual do Senado e na Câmara Federal. Não será bem assim. Estudos mostram que as duas Casas serão renovadas em índices bem menores do que nas últimas seis eleições, quando a média ficou em 45%. A impopularidade e desonestidade de parte dos congressistas deveriam ser suficientes para derrotá-los, porém as regras eleitorais aprovadas por eles reduzem as expectativas de mudança profunda. Além do mais, parte da renovação de caras e nomes será apenas simbólica, pois muitos políticos desgastados e impedidos de concorrer abrirão espaço para filhos e parentes. Portanto, para mudar o Congresso de verdade é fundamental não apenas votar contra os políticos fichas-sujas, mas fazer campanha em favor de candidatos com passado limpo e comprometidos com as causas sociais. Do contrário, o povo vai, mais uma vez, trocar seis por meia dúzia e continuar chorando o leite derramado. Misericórdia!

Mulher no comando

A partir da próxima quinta-feira, Aracaju será governada por uma mulher. A vice Katarina Feitoza (PSD) assume o comando da capital em substituição ao prefeito Edvaldo Nogueira (PDT), que aviona para Dubai. A convite da Fundação Oswaldo Cruz e da Frente Nacional de Prefeitos, o pedetista participará da Expo 2020 Dubai e da 5ª Conferência da G-STIC. Ontem, a Câmara de Vereadores recebeu ofício de Edvaldo solicitando licença de 15 dias para se ausentar do país. Então, tá!

Sinuca de bico

As línguas ferinas estão espalhando por aí que as orelhas do governador Belivaldo Chagas (PSD) têm ardido cada vez mais. É que muitos aliados o criticam, à boca miúda, por achar que ele deveria anunciar logo o nome de seu candidato preferido. De fato, a demora só faz crescer o nervosismo entre os postulantes à cadeira de Chagas, aumentando a tensão entre eles. Experiente, Belivaldo prefere deixar a definição para 2022. Ele sabe que o seu governo acaba na hora em que anunciar o nome do candidato à sua sucessão. Isso é o que se pode chamar de sinuca de bico. Danôsse!

Voto obrigatório

Pesquisa sobre o voto obrigatório no Brasil revelou que 76% dos eleitores são contra, 21% são a favor, 1% preferiu não responder. A consulta também apurou que quanto mais idoso o eleitor, há uma leve tendência a ser contrário à obrigatoriedade do voto. Mais de um em cada dois entrevistados se posicionou favorável à candidatura avulsa, e menos de 20% declararam não saber ou preferiram não responder. Cruz, credo!

Adutora em Gararu

E a prefeita de Gararu, Zete de Janjão (PSD), entregou ao Departamento Nacional de Obras contra as Secas o projeto executivo da adutora a ser construída naquele município. Orçada em R$ 10 milhões, a obra será possível graças a uma emenda apresentada ao Orçamento da União pelo deputado federal Gustinho Ribeiro (SD). Embora morando às margens do Rio São Francisco, parte da população de Gararu sofre com a falta d’água. Marminino!

Lado a lado

Os dois pré-candidatos a governador Edvaldo Nogueira (PDT) e Laércio Oliveira (PP) sentaram, ontem, lado a lado. Deixando de banda as discussões sobre sucessão estadual, ambos se reuniram para anunciar o Natal Iluminado 2021 de Aracaju. Feita em parceria entre a Prefeitura e a Federação do Comércio de Sergipe, a decoração natalina contará com 4,5 milhões de pontos de luz. Segundo Laércio, que preside a Fecomércio, serão investidos mais de R$ 2 milhões na ornamentação. Legal!

Pisando em ovos

Em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, o senador Alessandro Vieira (Cidadania) minimizou supostas divergências entre membros da CPI da Covid-19. “Chegaremos ao final da CPI com relatório aprovado por ampla maioria. A gravidade dos fatos é maior que qualquer divergência”, afirmou Vieira. Apesar de tirar por menos nas críticas ao relatório do senador Renan Calheiros (MDB), o cidadanista disse que o emedebista expandiu demais o leque e “está misturando peixes grandes e pequenos”. Crendeuspai!

Vão às urnas

Os advogados sergipanos vão às urnas, em novembro próximo, para escolher a nova diretoria da seccional da OAB. Duas chapas estão inscritas: uma é encabeçada pelo atual presidente da Ordem, Inácio Krauss, e a outra pelo jovem advogado Danniel Costa. Cada chapa conta com 33 candidatos a conselheiros titulares e 33 suplentes. Entre os eleitos serão escolhidos os diretores, conselheiros federais e seus suplentes, diretores e suplentes da Caixa de Assistência dos Advogados. A disputa promete ser acirrada!

Fome braba

O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) está preocupado com o crescimento da miséria no país. Após exibir um vídeo nas redes sociais mostrando as pessoas disputando comida no lixo, Fábio afirmou que “a fome é triste e desesperadora”. O deputado entende ser preciso construir um pacto nacional para enfrentar os problemas “desta pandemia socioeconômica, que maltrata principalmente a nossa gente mais pobre”. Home vôte!

Racismo em debate

“Racismo institucional: um diálogo necessário” é o tema da Live promovida, nesta terça-feira, pela Câmara Municipal de Aracaju. Tendo como debatedor o vereador Professor Bittencourt (PCdoB), o bate-papo on-line está agendado para às 19h30 e será comandado pelos jornalistas Vinicius Andrade e Martha Mendonça. Prestigie!

Recorte de jornal

 

 

 

 

 

Publicado no jornal aracajuano O Republicano, em 22 de novembro de 1890.

É editor do Portal Destaquenotícias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Construtora Celi e Valor Imobiliária lançam espaço na CasaCor Sergipe
Rodrigo Valadares é eleito a Tesoureiro Nacional do PTB
Transparência do município de Capela obtém nota máxima em avaliação do TCE
Estado e parceiros definem rota turístico-religiosa de Santa Dulce dos Pobres em Sergipe