Aracaju, 5 de dezembro de 2021

Aracaju amplia a dose de reforço e faz nova antecipação da segunda dose da Pfizer

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O prefeito Edvaldo Nogueira anunciou, na manhã desta quinta-feira, 21, a inclusão de novos grupos para a vacinação de reforço contra a covid-19, além de uma nova antecipação da segunda dose para quem recebeu o imunizante Pfizer. A partir de segunda-feira, dia 25, poderão receber a dose de reforço aqueles idosos e profissionais de saúde que tomaram a segunda dose até o dia 10 de maio. Pessoas com imunossupressão acima dos 18 anos também poderão tomar a dose de reforço. Já a antecipação da Pfizer valerá para todos que estão agendados para receber a segunda dose até o dia 30 de novembro.

“É com muita alegria que anuncio mais um avanço na nossa campanha de vacinação contra o coronavírus, com a ampliação da dose de reforço para os idosos e profissionais de saúde que tomaram a segunda dose do imunizante até 10 de maio. Então, você que faz parte deste grupo, pode ir tomar a sua dose de reforço a partir de segunda-feira, dia 25. Além disso, os imunossuprimidos, acima de 18 anos, que tomaram a segunda dose com mais de 28 dias, também podem receber o reforço. Nesta fase, também anteciparemos a segunda dose da Pfizer para quem receberia até 30 de novembro. Estamos avançando no calendário e queremos avançar ainda mais, então não deixem de se vacinar”, destacou Edvaldo.

Neste sentido, pelo calendário de vacinação, todos os idosos e profissionais de saúde que se enquadram neste grupo prioritário, poderão receber o reforço  da vacina de segunda-feira, dia 25, até sexta-feira, dia 29. Imunossuprimidos, acima dos 18 anos, que receberam a segunda dose há 28 dias, também já podem receber a dose de reforço nestes dias, assim como quem deve receber a segunda dose da Pfizer.

Fazem parte do grupo de pacientes com alto grau de imunossupressão: pessoas com câncer em quimioterapia; transplantados de órgãos sólidos (rim, fígado, coração, pulmão); pessoas vivendo com a HIV/Aids; pacientes em hemodiálise; pessoas com imunodeficiência primária grave; e com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (artrite reumatóide, espondilite anquilosante, psoríase, artrite psoriática, esclerose múltipla, lúpus eritematoso sistêmico, crohn, retocolite ulcerativa).

A Prefeitura de Aracaju disponibiliza nesta etapa 12 locais de vacinação: os dois drives-thru – Sementeira e 28º Batalhão de Caçadores – e 10 pontos fixos:  Estação Cidadania (Bugio), Aracaju Parque Shopping (Bairro Industrial), Unidade Básica de Saúde (UBS) Anália Pina (Almirante Tamandaré), auditório da escola Presidente Getúlio Vargas (Siqueira Campos), UBS Manoel de Souza (Sol Nascente), UBS Ministro Costa Cavalcante (Inácio Barbosa), Shopping Riomar (Coroa do Meio), UBS Augusto Franco (Farolândia), UBS Roberto Paixão (17 de Março) e UBS Santa Terezinha (Robalo).

Atualmente, a capital sergipana possui 509.932 pessoas vacinadas contra a covid-19, com a primeira dose,  o que equivale a mais de 89% da população acima de 12 anos. Quando considerada a população adulta, Aracaju já vacinou mais de 90% dos aracajuanos com a primeira dose. Com as duas doses ou dose única, o município alcançou a marca de 375.272 pessoas vacinadas, o que corresponde a 73,02% da população adulta.

Ascom SMS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Mais da metade dos maiores de 18 anos consome bebidas alcoólicas
Assédio é principal violência a meninas em ambiente virtual
Entenda as novas regras da Tarifa Social de Energia Elétrica
Simão Dias receberá Centro de Especialidades Médicas e Base do Samu