Aracaju, 3 de dezembro de 2021

Governo e TAG avançam em projeto de gasoduto de transporte de GNL

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Interligação entre terminal da Celse e malha da TAG foi pauta de reunião entre a companhia e a equipe da administração estadual, liderada pelo governador Belivaldo Chagas

A interligação do terminal de Gás Natural Liquefeito (GNL) das Centrais Elétricas de Sergipe (Celse) à malha da Transportadora Associada de Gás (TAG) foi pauta de audiência com a presença do governador Belivaldo Chagas nesta segunda-feira (25). O projeto, que está em fase adiantada de discussão, prevê a construção de um gasoduto com capacidade de movimentação de 14 milhões de m³ por dia, com investimento de R$ 300 milhões. A reunião contou com a presença da equipe da TAG e de gestores de diversos órgãos da administração estadual.

O novo gasoduto, com extensão de 25 km e diâmetro de 24 polegadas, deverá garantir segurança no provimento de gás para Sergipe e toda a região Nordeste. Durante a reunião, realizada na Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), o governador ressaltou a importância estratégica do projeto.

“Colocamos-nos à disposição para apoiar em tudo o que for necessário para que esse projeto, que tanto interessa para Sergipe, possa sair do papel. A interligação do terminal da Celse à malha de transporte da TAG é um fator que traz competitividade ao nosso estado e que pode viabilizar a chegada de inúmeras indústrias consumidoras de gás”, ressaltou Belivaldo Chagas.

Durante o encontro, foi salientada pela TAG a posição de vanguarda de Sergipe em relação ao Novo Mercado do Gás, com o desenvolvimento de novas políticas regulatórias e tributárias.

“Destacamos o protagonismo de Sergipe no cenário do gás, tendo a Unigel como primeiro carregador de entrada e saída. O Governo do Estado tem nos acompanhado ao longo de todas essas tratativas, e esperamos avançar no projeto do gasoduto, que irá expandir nosso eixo de conexão de ofertas e demandas”, afirmou o diretor Comercial e Regulatório da TAG, Ovídio Quintana.

“O novo gasoduto deverá trazer dinamismo ao mercado do gás em Sergipe e em toda a região Nordeste, atraindo novos investimentos. A presença da TAG junto ao Governo hoje nos traz a possibilidade de ajustar questões de ordem técnica, fazendo com que o projeto do gasoduto se torne mais tangível para todos os envolvidos”, pontuou o secretário da Sedetec, José Augusto Carvalho.

Por ocasião da presença da equipe da TAG, foram programadas audiências para trato de assuntos específicos junto à Sergas, à Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado (Agrese), à Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) e à Sedetec. Também foram agendadas reuniões com a Celse e a Unigel, na qualidade de agentes de mercado.

Presenças

Estiveram presentes no encontro o superintendente executivo da Sedetec, Marcelo Menezes; o secretário de Estado da Fazenda, Marco Antônio Queiroz; os diretores-presidentes Valmor Barbosa (Sergas), Hamilton Santana (Agrese) e Gilvan Dias (Adema); a diretora técnica da Agrese, Regina Rosário; e a engenheira civil do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER),  Débora Dias, em nome do diretor-presidente do órgão, Anderson Nascimento.

Representando a TAG, estiveram presentes, além de Ovídio Quintana, o gerente de Engenharia e de Projetos Industriais, Marcos Moura, e a gerente de Saúde, Segurança e Meio Ambiente, Thais Soares.

Fonte e foto assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Belivaldo reúne base aliada na segunda-feira
Linda Brasil aprova em primeira discussão projeto que exige de intérprete de Libras
Dra. Paula Saab recebe Moção de Aplausos da Câmara Municipal de Aracaju
Alessandro Vieira trabalhou de forma intensa para melhorias na PEC dos Precatórios