Aracaju, 7 de dezembro de 2021

Pediatria do Huse atenderá prioritariamente casos de alta complexidade

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A partir do dia 5 de novembro, a Pediatria do Hospital de Urgências de Sergipe Governador João Alves Filho (Huse) passará a atender prioritariamente pacientes regulados pelo SAMU ou pela Central de Regulação de Leitos, oriundos de hospitais e UPAs de todo estado. A mudança de funcionamento se dará com o início das atividades no Hospital da Criança Drº José Machado de Souza, inaugurado pelo Governo do Estado, no dia 25 de outubro.

“O Huse é uma unidade de atendimento terciário que recebe pacientes de alta complexidade e a partir do momento que o Hospital da Criança estiver funcionando, o paciente pediátrico que for direcionado ao Huse, deverá vir regulado de outra unidade hospitalar de menor complexidade. Nós iremos acolher os pacientes que chegarem e caso eles não se enquadrem no quadro grave, os mesmos serão redirecionados a uma das outras unidades de porta aberta para atendimento pediátrico”, explicou a coordenadora da Pediatria do Huse, Christianne Barreto.

O Hospital da Criança chega para reforçar a Rede de Assistência Pediátrica no Estado, vai atuar junto com outras unidades hospitalares para garantir, cada vez mais, o direito fundamental à saúde para as crianças sergipanas.  A Unidade Hospitalar funcionará de forma ininterrupta, 24h por dia, sete dias por semana e será referência em atendimento de baixa e média complexidade e sua implantação objetiva ampliar a oferta de leitos por demandas espontâneas e referenciadas de urgências pediátricas, nas especialidades clínicas e cirúrgicas.

Atualmente, a Pediatria do Huse, que atenderá, em breve, apenas casos de alta complexidade, funciona seguindo a classificação do Protocolo de Manchester que classifica o risco dos pacientes em Vermelho, Laranja, Amarelo, Verde ou Azul. “Com o início do atendimento no Hospital da Criança, a Pediatria do Huse ficará responsável pelo atendimento dos pacientes classificados como Vermelho e Laranja, já os pacientes classificados como Amarelo, Verde e Azul devem procurar a Unidade de Pronto Atendimento Fernando Franco (localizado no Augusto Franco), o Hospital Santa Isabel e o Hospital da Criança. Para os usuários que residem fora de Aracaju, esses devem buscar assistência nos Hospitais Regionais ou nas UPAs do seu município de origem”, pontuou Christianne Barreto.

A Pediatria do Huse atende cerca de 15 mil usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) e, com o início do funcionamento do Hospital da Criança Drº José Machado de Souza, a pediatria passará por algumas adequações em seu Pronto Socorro, ampliando o número de leitos críticos, para o qual será destinado o seu público. As unidades críticas contam com 6 leitos na Amarela e 7 na Vermelha, com o novo fluxo a unidade passará a ter 20 leitos (10 para Vermelha e 10 para Amarela).

Classificação de Risco

Classificação de Risco é um procedimento onde a criança acompanhada será avaliada por um enfermeiro que, baseado em um protocolo científico dos sinais e sintomas que a criança está apresentando, determinará a prioridade de atendimento em uma escala de cores. A Pediatria do Huse atende exclusivamente crianças classificadas como Vermelha ou Laranja e que sejam referenciadas de outro serviço pediátrico do estado de Sergipe.

A Escala de Manchester funciona da seguinte forma: Vermelha é destinado para pacientes da emergência, neste caso o paciente necessita de atendimento imediato (regulado para o Huse); Laranja é destinado para paciente de extrema urgência, necessitando de atendimento o mais rápido possível (regulado para o Huse); Amarela é destinada para paciente urgente, não é considerado uma emergência já que possui condições clínicas de aguardar (Hospital da Criança ou Santa Isabel); Verde é destinado para paciente pouco urgente, casos menos graves que exige atendimento médico, mas pode ser assistido ambulatorialmente na unidade básica (Hospital da Criança, Hospital Santa Isabel, UPA Fernando Franco); Azul é destinado para paciente não urgente (Hospital da Criança, Hospital Santa Isabel, UPA Fernando Franco).

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Prefeitura de Simão Dias promove Vacinação Itinerante contra Covid-19
Vereadores do município de Itabaiana ajuízam ação popular na 1ª Vara Cível contra a Deso
Cursos EaD podem ser incluídos como opção de financiamento pelo Fies
Laranjeiras adapta formato do Encontro Cultural à pandemia