Aracaju, 3 de dezembro de 2021

Futuro político de Sergipe passa pelo julgamento da chapa Belivaldo/Eliane 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Não há como negar que o assunto que norteará o centro de todas as rodas políticas em Sergipe, nos próximos dias, será o julgamento pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) da chapa vitoriosa em 2018, do governador Belivaldo Chagas (PSD) e da vice-governadora Eliane Aquino (PT). Assim que veio a confirmação de que o processo entrou na pauta da sessão da próxima terça-feira (9), logo percebeu-se uma movimentação intensa nas redes sociais, com muitas especulações e projeções.

Até então havia uma dúvida se o julgamento se iniciaria ou não ainda este ano, antes do recesso do Poder Judiciário; havia quem entendesse que o processo só entraria na pauta do TSE no próximo ano. É bom frisar, com o compromisso com a verdade junto aos leitores, que o fato de o julgamento iniciar na próxima semana não quer dizer que o mesmo estará concluso ainda este ano. É natural que a defesa da chapa faça sua argumentação dentro do limite legal constitucional, sem pressa para a tramitação.

Mas estamos diante de um julgamento que tanto poderá ser favorável ao governador e sua vice, como também poderá mudar completamente o jogo eleitoral em Sergipe. Nada (ou quase nada) evoluirá do ponto de vista das definições eleitorais para o próximo ano até que o resultado deste julgamento esteja consumado. As conversas já iniciadas, as conjecturas formuladas sobre o futuro político do nosso Estado passam pela decisão da Suprema Corte Eleitoral.

O fato é que se for absolvida a chapa, mesmo sem ser candidato em 2022, o governador Belivaldo Chagas estará, politicamente, fortalecido e com totais condições de liderar sua própria sucessão. Por sua vez, se for derrotada a chapa, a tramitação natural passa por uma mudança no comando do Estado e, consequentemente, nas tratativas visando as eleições do próximo ano. A depender do resultado desse julgamento, os principais atores políticos, até então cotados para a disputa, podem ser substituídos.

É o cenário passando por uma profunda “mutação” a depender da direção que for dada ao comando do Estado. Mas nunca é demais anunciar: não existe momento mais adequado para que o governador possa medir o comportamento e a fidelidade dentro do seu próprio agrupamento. Mesmo que seja absolvido da denúncia do MPF, não estarão descartadas rupturas políticas. É um momento de instabilidade que vai requerer boa defesa, estratégia e sapiência política.

Até a próxima terça-feira a sociedade sergipana se deparará com uma série de especulações e conjecturas. Em síntese, tudo pode poderá acontecer aqui no Estado, politicamente falando, após esse julgamento, inclusive nada! É esperar o voto do relator do processo e não antecipar os fatos. Esse é o compromisso que deve ser assumido com a verdade e a boa informação. Até porque, independente de questões políticas, é o futuro de Sergipe que estará em discussão a partir da próxima semana…

Veja essa!

O procurador-geral do Ministério Público de Contas (MPC), Luís Alberto Meneses, será empossado no cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE) nesta quinta-feira (4), às 10h30, em sessão solene no plenário do órgão. Escolhido pelo governador Belivaldo Chagas em lista tríplice composta por membros do parquet de Contas, o futuro conselheiro teve sua indicação aprovada na Assembleia Legislativa (Alese), após passar por sabatina.

E essa!

Já a nomeação foi feita pelo governador no último dia 21, em ato no gabinete do conselheiro-presidente do TCE, Luiz Augusto Ribeiro. “A chegada do Dr. Luís Alberto Meneses ao colegiado representa um momento histórico para esta Casa, já que pela primeira vez teremos um conselheiro escolhido entre os procuradores do Ministério Público de Contas; além disso, o colegiado ganhará um novo membro extremamente qualificado”, ressalta o presidente do TCE.

 Cartão Mais

A Assembleia Legislativa aprovou uma indicação de autoria da deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) propondo a prorrogação do benefício do Cartão Mais Inclusão até dezembro de 2022. A parlamentar justifica sua proposta dentro do entendimento do cenário de miséria e fome que estamos vivendo.

 Maria Mendonça I

Maria Mendonça leva em consideração o fato da Alese ter aprovado um projeto que prorrogou por mais três meses o benefício do Cartão Mais Inclusão, em Agosto passado, proposta que encerrou em outubro, e que esse auxilio beneficiou aproximadamente 14 mil famílias de extrema pobreza, combatendo a insegurança alimentar da população.

 Maria Mendonça II

“Este benefício consiste no auxilio no valor entre R$ 100 e R$ 200 para os inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadOnico), que não recebem nenhum outro auxílio estadual ou federal; a tão temida fome retornou a assolar as famílias em nosso País e do nosso Estado e, com a pandemia, o quantitativo de famílias vivendo miséria e numa situação de extrema vulnerabilidade social se acentuou. Alimentação é um direito humano conforme a Constituição e o Estado precisa intervir”, defende Maria Mendonça.

Cirurgiões buco-maxilo I

A Assembleia Legislativa aprovou uma indicação de autoria da deputada estadual Maria Mendonça (PSDB), assinada por outros parlamentares da Casa, propondo uma equiparação salarial que beneficiará cirurgiões buco-maxilo faciais do Hospital Governador João Alves Filho. Além de Maria, também são autores da indicação os deputados Garibalde Mendonça (MDB), Iran Barbosa (PT), Luciano Pimentel (sem partido) e Zezinho Sobral (PODE).

Cirurgiões buco-maxilo II

Os autores da indicação levam em consideração que se trata de um profissional qualificado a executar procedimentos de maior complexidade, e que é o especialista que diagnostica e efetua o tratamento cirúrgico das doenças, anomalias congênitas, traumatismos, entre outras patologias e tumores do aparelho mastigatório e das estruturas crânios-faciais.

Cirurgiões buco-maxilo III

“O Hospital de Urgência de Sergipe Governador João Alves Filho além de ser referência, é o único que oferta esse serviço à população via o SUS, e que atende pacientes vindos dos Estados vizinhos da Bahia e Alagoas; segundo o cirurgião buco-maxilo, André Silva Gois, atualmente existem 32 profissionais no Hospital João Alves Filho e as carências são nas condições de trabalho”, explica Maria Mendonça.

Francisco Gualberto I

O deputado estadual Francisco Gualberto (PT) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, para solicitar que os governantes sergipanos mantenham a preocupação e as exigências sobre o uso de máscaras contra a covid-19. O petista entende que governadores de outros Estados já estão liberando a exigência em ambientes aberto, sendo que o vírus continua circulando em meio à sociedade.

Francisco Gualberto II

Gualberto disse que não é um cientista, mas reforçou que sente muito medo do vírus. “Mesmo vacinado, sinto que não estou livre de infectar alguém ou de ser infectado. Continuo tomando os mesmos cuidados. Me chamou a atenção um dado da Rede Globo, que há algumas semanas a taxa de contágio era de 0,68% e agora passou para 1,4%! E nós temos pouco mais de 70% da nossa população vacinada apenas com a primeira dose e pouco mais de 50% vacinada com a segunda dose”.

Vírus circulando

O deputado entende que o vírus continua circulando pela sociedade, mas que por conta da vacinação, a gravidade da doença e as mortes hoje estão reduzidas. “Sergipe só tem cerca de 50% das pessoas vacinadas com as duas doses. São dados da própria Secretaria de Estado da Saúde. Com esses dados quero propor à nossa presidência os mesmos cuidados dos outros órgãos, dos outros Poderes, em só permitir o acesso à Alese de quem comprove que, pelo menos já tomou a primeira dose da vacina”.

Comprovação

“O cidadão comum que aqui e não está vacinado ainda, ou é negacionista, um antivacina, que não está preocupado com a sua vida e nem com a do próximo, ou é alguém que tem dificuldade de compreensão, ou seja, algo não está certo e não vejo problema em ter um servidor da Casa consultando se a pessoa está ou não vacinada; a ideia é que isso sirva de incentivo para que as pessoas se vacinem”, completou Gualberto.

Kitty Lima I

A deputada estadual Kitty Lima (Cidadania) protocolou no Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE), juntamente com os deputados Georgeo Passos e Dr. Samuel, um mandato de segurança a fim de que a CPI da Covid, já protocolada na Assembleia Legislativa, seja instaurada de forma definitiva. O objetivo é garantir o início dos trabalhos da comissão mesmo após a Mesa Diretora da Alese ter decidido na semana passada que não daria prosseguimento à criação da CPI por conta da retirada de uma assinatura.

Kitty Lima II

No pedido feito ao TJSE, a parlamentar afirma que a decisão da Mesa Diretora em aceitar a retirada da assinatura do requerimento de abertura da CPI, logo após o protocolo do documento junto à Alese, desconsiderou o entendimento já consolidado pelo Superior Tribunal Federal (STF) quanto à criação de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), contrariando o direito da minoria e o direito subjetivo de fiscalizar atos do Poder Executivo.

Kitty Lima III

De acordo com Kitty Lima, todas as condições mínimas exigidas para que o requerimento se tornasse válido perante à lei foram cumpridas como determina o inciso 3° do artigo 58 da Constituição da República, endossado por oito assinaturas dos 24 deputados da Alese, formando assim o quórum mínimo de 1/3 dos membros da Casa como exige a legislação e o regimento interno.

Sheyla Galba I

Cumprindo o seu papel fiscalizador, a vereadora Sheyla Galba (Cidadania) realizou, nos últimos meses, visitas às sedes dos conselhos tutelares da capital. E as informações levantadas em cada visita e a partir do diálogo com os conselheiros de cada distrito foram compartilhadas pela parlamentar com os demais vereadores e a população em discurso na Câmara Municipal de Aracaju.

Sheyla Galba II

Sheyla Galba destacou o papel dos conselheiros tutelares de atender as crianças e adolescentes em situação de violação dos seus direitos. “É o que preconiza o artigo 136 do Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA. Vocês não imaginam a quantidade de demanda que os conselheiros precisam atender. São denúncias vindas dos hospitais, unidades da saúde, delegacias, da população em geral”, pontuou.

Abandono

Segundo a vereadora, durante as visitas realizadas foi possível constatar uma verdadeira situação de abandono “São diversos os casos em que os trabalhadores são expostos a situações de risco, a ameaças, a momentos em que a força impositiva da lei precisa prevalecer sobre as agressões, descasos e ameaças aos direitos de nossas crianças e nossos adolescentes”, complementou.

Baixo teto salarial

A parlamentar falou da necessidade de melhorias na estrutura e condições de trabalho. “Rever também o baixo teto salarial dos nossos conselheiros e alinhar esse fluxo de trabalho. Nos próximos dias, vamos nos reunir com a secretária de Assistência Social, com o secretário da Segurança Pública do Estado e com os Comandos da Polícia Militar e da Guarda Municipal para buscar meios de salvaguardar a integridade dos conselheiros”, frisou.

Eleições CRCSE 

Com 32 anos de atuação na área contábil, sendo 27 deles dedicados à luta pela valorização e fortalecimento da classe, a contadora estanciana Salete Barreto, candidata à presidência do Conselho Regional de Contabilidade em Sergipe (CRCSE), está percorrendo o interior do estado para apresentar as propostas da Chapa 1 e conquistar o apoio da categoria para o projeto que busca avançar na defesa dos contabilistas sergipanos.

Salete Barreto I

Acompanhada de integrantes da Chapa 1, que é composta por 16 profissionais experientes e qualificados para representar a classe, Salete Barreto já visitou instituições e escritórios de contabilidade localizados nos municípios de Estância, Itabaiana, Itabaianinha, Lagarto, e Umbaúba, além de manter uma agenda constante em Aracaju.

Salete Barreto II

De acordo com a candidata, os encontros possibilitaram um diálogo maior com a categoria sobre as propostas da chapa liderada por ela, que tem como pilares o registro e a fiscalização da profissão; a educação continuada; a gestão responsável e transparente; o fortalecimento das relações institucionais e a valorização da imagem profissional.

ABAV/SE

A chapa Renovação foi eleita para a diretoria da Associação Brasileira de Agências de Viagens de Sergipe (ABAV/SE), no período de 2021 a 2023. Com o resultado, Ravison Souza, empresário da área de agência de turismo, que foi por três mandatos presidente do Sindicato das Empresas de Turismo do Estado de Sergipe (Sindetur), devido ao grande trabalho realizado à frente do turismo sergipano, foi eleito presidente da associação.

 Diretoria

A direção tem ainda os nomes de Sérgio Lima, vice-presidente administrativo; José Alberto Balbino Almeida, vice-presidente financeiro; Adailton Vilela de Almeida, vice-presidente de capacitação; Kátia Sandra Gadelha, vice-presidente de marketing e eventos; e Manuela Simões Leite Bezerra, vice-presidente de turismo especializado.

Nivaldo Cândido

A chapa também definiu que o Conselho de Ética, Conciliação e Arbitragem terá os nomes de Gilvan da Silva Barreto, José Hamilton Nascimento e José Clóvis Araújo de Abreu. Já para o Conselho Fiscal, foram escolhidos João de Souza Ávila, Waldyr Guedes e Paulo Roberto da Silveira Junior. Na comunicação, está o conceituado e experiente jornalista Nivaldo Cândido.

Tributo ao Queen

Um espetáculo em tributo ao Queen será realizado a partir das 19 horas no Teatro Tobias Barreto, em Aracaju, no dia 19 de dezembro. O show conta com 25 integrantes, incluindo maestro, orquestra ao vivo e a participação da banda Magic Queen. Os ingressos já estão à venda na Bilheteria do Teatro.

Tarcísio Ramses

A coluna reconhece e parabeniza o atleta sergipano Tarcísio Ramses que, mesmo sem o devido apoio do poder público, tem se destacado nas competições que compete. Ramses acaba de conquistar a medalha de ouro no Brazil Open de TaekWondo, evento realizado no Estado do Paraná, na categoria até 74 kg.  O evento serviu de preparação para o Campeonato Brasileiro que será realizado agora em novembro, no Rio de Janeiro.

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Linda Brasil aprova em primeira discussão projeto que exige de intérprete de Libras
Dra. Paula Saab recebe Moção de Aplausos da Câmara Municipal de Aracaju
Alessandro Vieira trabalhou de forma intensa para melhorias na PEC dos Precatórios
TRE-SE cassa mandato do deputado federal Valdevan Noventa em votação unânime, mas cabe recurso junto aoTSE