Aracaju, 5 de dezembro de 2021

Gracinha e Maria assinam projeto que reconhece mangabas e ofício de catadoras como Patrimônio Cultural Imaterial

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

As deputadas Gracinha Garcez (PSD) e Maria Mendonça (PSDB) apresentaram na Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe (Alese) um projeto de lei que sugere declarar Patrimônio Cultural Imaterial de Sergipe as mangabas e o ofício das catadoras dessa fruta. “O trabalho que essas mulheres fazem é responsável pela geração de renda e sustento de muitas famílias sergipanas. E isso precisa ser reconhecido e valorizado”, frisou Gracinha.

As catadoras de mangaba em Sergipe atualmente estão concentradas em associações nos municípios de Indiaroba, Japaratuba, Itaporanga d’Ajuda, Barra dos Coqueiros, Estância, Pirambu e Aracaju. Elas produzem itens diversos (licor, doces, mousse, biscoito, geleia…) não só do fruto da mangabeira como também de outras frutas da restinga. “Nada mais justo que fazermos esse reconhecimento, pois o extrativismo da mangaba é uma realidade que movimenta a economia de vários municípios e, porque não dizer, do Estado como um todo”, destacou a deputada Maria Mendonça, acrescentando que Sergipe é o maior produtor de mangaba do país.

O projeto apresentado pelas parlamentares foi aprovado na Casa Legislativa e segue agora para sanção do Governo de Sergipe. “O ofício de catadora de mangaba envolve uma série de atividades em que as mulheres envolvidas cuidam da conservação da espécie, desenvolvem e aprimoram práticas e saberes de manejo… enfim, zelam por algo que entendemos como um patrimônio cultural imaterial”, pontuou Gracinha Garcez.

Da assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Alessandro protocola novo pedido para instalação de CPI sobre Orçamento Secreto
Valadares Filho reeleito presidente estadual do PSB e Rogério exalta aliança em construção com o PT para um projeto forte
Natal Iluminado: programação contempla música e oficinas neste sábado. São mais de 4,5 mi de pontos de luz enfeitando
ABIH-SE promoverá 2ª edição do road show Viva Aracaju