Aracaju, 29 de novembro de 2021

Muito grave o estado de saúde do radialista e ex-conselheiro do TCE, Reinaldo Moura, em razão de uma dissecção aórtica

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O ex-deputado federal André Moura (PSC) usou as redes sociais nesta quarta-feira (10), para informar que a cirurgia a que se submeteu o seu pai Reinaldo Moura, ex-conselheiro do TCE, ocorreu sem intercorrências. “A cirurgia cardíaca foi realizada sem intercorrências. As próximas 48 horas de observação são importantes”, informou André.

Reinaldo Moura estava em Gramado, no Rio Grande do Sul, quando retornou a Aracaju e por volta da meia noite submeteu-se a um procedimento cirúrgico e está internado no Hospital Primavera.

Reinaldo Moura tem 77 anos, é jornalista e radialista, ex-vereador por Aracaju e ex-deputado estadual.

Dissecção aórtica – Uma dissecção aortica ocorre quando uma lesão na camada mais interna da aorta permite a passagem de sangue entre as camadas da parede da aorta, forçando a separação dessas camadas. Na maior parte dos casos está associada a dor súbita e intensa no peito ou nas costas, muitas vezes descrita como dilacerante.

Entre outros possíveis sintomas estão vómitos, suores e tonturas. A diminuição do fornecimento de sangue para outros órgãos pode causar um acidente vascular cerebral ou isquemia mesentérica.

Em razão disso, a situação do ex-conselheiro Reinaldo Moura é extremamente grave e merece cuidados intensos dos médicos que o acompanham. A gravidade da doença se deu em razão da demora em que Reinaldo chegou ao hospital. Ele estava a passeio em São Paulo e Canelas, no Rio Grande do Sul.

Por coincidência, um outro conselheiro de Sergipe já teve uma dissecção aórtica e passou por cirurgia urgente e se recuperou rapidamente, continuando o seu trabalho no Tribunal de Contas. A demora no diagnóstico, em razão da viagem de Reinaldo Moura, complicou muito o seu quadro e resistência à cirurgia.

Veja nota do Hospital Primavera

O paciente Reinaldo Moura Ferreira, 77 anos, deu entrada neste hospital no dia 9/11/2021 com quadro de dissecção aguda de aorta.

Prontamente atendido e encaminhado ao Centro Cirúrgico para realização de procedimento emergencial que ocorreu durante toda a madrugada.

Nesta manhã foi encaminhado para UTI – Unidade de Terapia Intensiva.

Seu quadro clínico é grave, está sedado e necessitando de ventilação mecânica e uso de drogas vasoativas.

Assistem o paciente o cirurgião cardiovascular Dr. Roberto Cardoso, a médica intensivista Dra. Eliane Correa e os cardiologistas Fabrício Anjos e Cleverton Canuto.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Arquiteta fala sobre mudanças nos lares durante a pandemia
Inscritos no Enem fazem neste domingo segundo dia de provas
Covid-19: Aracaju vacinou 17.398 mil pessoas nesta semana
Vice-governadora conhece serviços da Casa Mulher em Itabaianinha