Aracaju, 28 de novembro de 2021

Batalhão de Radiopatrulha apreende mais de 15 quilos de drogas no município de Aracaju

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

A Polícia Militar, por meio do Batalhão de Radiopatrulha (BPRp), apreendeu na madrugada desta quinta-feira (11), 24 tabletes e 8 invólucros de maconha, totalizando 15,2kg de entorpecentes, durante policiamento no bairro Jabotiana, em Aracaju. Os policiais também efetuaram a prisão de Cledson da Silva Santos, que assumiu a propriedade dos entorpecentes.

De acordo com o relato policial, a guarnição realizava rondas pelo bairro Jabotiana, quando recebeu uma denúncia anônima que informava a presença de um indivíduo que estaria recebendo um carregamento de entorpecentes no Largo da Aparecida.

Diante das informações recebidas, os radiopatrulheiros se deslocaram até o local e avistaram o suspeito, que ao notar a aproximação policial, tentou empreender fuga, mas foi interceptado e abordado.

Durante a abordagem, o suspeito foi identificado como Cledson da Silva Santos, 35 anos, e com ele foi encontrado, inicialmente, alguns invólucros contendo maconha.

Após buscas nas imediações em que o suspeito se encontrava, os policiais encontraram 24 tabletes de maconha que totalizaram, junto com os invólucros já apreendidos, 15,2 quilos, além de uma pequena bolsa plástica com cocaína, pinos vazios para o acondicionamento de entorpecentes, uma balança de precisão e um celular.

O suspeito assumiu a propriedade das drogas e confirmou que teria recebido todo o entorpecente há poucos minutos.

Após ser dada voz de prisão, o suspeito e todo o material apreendido foram conduzidos até a Central de Flagrantes, onde as demais medidas legais foram tomadas.

Fonte e foto SSP

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Inscritos no Enem fazem neste domingo segundo dia de provas
Covid-19: Aracaju vacinou 17.398 mil pessoas nesta semana
Vice-governadora conhece serviços da Casa Mulher em Itabaianinha
Senador Alessando Vieira protocola emenda substitutiva para barrar interesses individuais