Aracaju, 29 de novembro de 2021

Após outro PL barrado na mesma semana, vereador diz: vergonha e falta de transparência

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Primeiro, ele ficou indignado. Agora, o sentimento é de revolta. Assim ficou o vereador Neto Batalha (PP) quando soube do segundo Projeto de Lei barrado na Câmara Municipal de São Cristóvão, ambos na mesma semana. Desta vez, o PL vetado corresponde a implementação do Compliance na cidade histórica. “Infelizmente, o programa que estabelecia transparência nos contratos públicos não vingou. O pior é saber que foi desaprovado pelo simples fato de eu ser da oposição. Um absurdo”, desabafou.

Entusiasmado com o primeiro mandato em São Cristóvão, o vereador Neto Batalha apresentou o projeto do Compliance seis meses atrás, contudo esta semana foi vetado.

Neto Batalha lembrou que programa do Compliance não é mais novidade em Sergipe. Aracaju se tornou a primeira cidade do Nordeste a aprovar uma Lei sobre o tema em 2019 e a próxima podia ser São Cristóvão.

Quando elaborou o projeto voltado para a quarta cidade mais antiga do Brasil, a proposta era trazer mais transparência para a população, pois o Compliance atua como uma lei anticorrupção em todas as esferas do poder público.

Apesar de vetado, o vereador informou que não vai desistir de buscar transparência e leis que possam acabar com eventuais corrupções em São Cristóvão. “Oposição é exatamente isso. Eles precisam entender que estou exercendo apenas meu papel, mas muitos me enxergam como inimigo. Uma pena”, lamentou.

Da assessoria

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Dermatologista orienta sobre cuidados com a pele durante o Verão
39 famílias retiradas de casas em áreas de risco após fortes chuvas em Canindé de São Francisco
Estudantes  universitários de Carira recebem ônibus adquirido com emenda de Alessandro Vieira
Hospital de Urgências de Sergipe abre processo seletivo de 16 vagas para Residência Médica