Aracaju, 3 de dezembro de 2021

Itaporanga sanciona lei de aprendizagem após o acordo com o Ministério do Trabalho de Sergipe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

O município de Itaporanga D’Ajuda, após firmar acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT-SE), sancionou a Lei nº 727/2021, referente à criação do Programa Municipal de Aprendizagem na Administração Pública, que permitirá a contratação de jovens entre 14 e 18 anos, qualificando-os para o mercado de trabalho e garantindo a continuidade dos estudos. O acordo foi firmado em decorrência de flagrante de trabalho infantil no antigo matadouro municipal.

A lei garante aos jovens direitos como salário-mínimo, de acordo com a carga horária, férias e décimo terceiro salário, além de estabelecer limites como a proibição do trabalho noturno, perigoso e insalubre.

De acordo com o procurador do Trabalho Raymundo Ribeiro, durante as inspeções do MPT no matadouro foi constatado o descumprimento das normas de saúde e segurança do trabalho e, também, trabalho infantil. “O acordo firmado com o Município prevê que jovens e adolescentes vulneráveis serão inseridos no programa de aprendizagem na administração pública municipal, de forma segura, protegida e com os direitos trabalhistas garantidos”, relata.

Relembre

As tratativas entre o MPT-SE e o município de Itaporanga D’Ajuda se iniciaram após flagrante de trabalho infantil no matadouro público municipal. A inspeção realizada pelo MPT-SE constatou que havia crianças e adolescentes expostos a um ambiente insalubre, trabalhando sem qualquer equipamento de proteção, alguns deles até mesmo descalços. O matadouro foi interditado, desativado e o município multado no valor R$ 200 mil, referente à indenização por danos morais coletivos.

Ficou acordado que o valor da multa será revertido para a implementação e o custeio das primeiras turmas do Programa de Aprendizagem Profissional na Administração Pública.

Trabalho infantil

A sanção da lei vem no ano definido pela Assembleia Geral da ONU como o Ano Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil, no qual o MPT lançou uma campanha nacional de combate ao trabalho infantil, denominada #ChegadeTrabalhoInfantil.

A aprendizagem profissional é um dos pilares do combate ao trabalho infantil, pois regulariza o trabalho do jovem e do adolescente. Outros municípios sergipanos também já sancionaram a lei referente ao Programa Municipal de Aprendizagem na Administração Pública, um deles foi o município de Arauá, que, também neste ano, sancionou a Lei nº 743/2021, após firmar acordo com o Ministério Público do Trabalho em Sergipe (MPT-SE).

Por Ana Alves

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Linda Brasil aprova em primeira discussão projeto que exige de intérprete de Libras
Dra. Paula Saab recebe Moção de Aplausos da Câmara Municipal de Aracaju
Alessandro Vieira trabalhou de forma intensa para melhorias na PEC dos Precatórios
TRE-SE cassa mandato do deputado federal Valdevan Noventa em votação unânime, mas cabe recurso junto aoTSE