Aracaju, 21 de janeiro de 2022

Rebanho alvoroçado

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Por Adiberto de Souza *

O governador Belivaldo Chagas (PSD) vai precisar usar toda a sua experiência política para evitar o estouro da boiada quando se definir por este ou aquele pré-candidato à sua sucessão. O primeiro passo para tranquilizar o gado alvoroçado será dado na próxima semana, durante reunião que Chagas pretende ter com os aliados dispostos a disputarem o governo em 2022. Nesta conversa, Belivaldo insistirá no discurso de unidade para o sucesso do grupo nas eleições. O diabo é que só existem três vagas na chapa majoritária, enquanto quase uma dezena de governistas sonham em disputar o governo, a vice-governadoria e o Senado. Político maduro, Chagas tentará evitar o que ocorreu em 2016, quando Valadares Filho (PSB) não aceitou ser preterido por Edvaldo Nogueira (PDT), se lançou candidato a prefeito de Aracaju e quase derrota o grupo governista no 2º turno. Há quem garanta que, a depender do escolhido para disputar o governo de Sergipe, haverá defecções, com os insatisfeitos pulando a cerca para o pasto do PT, reforçando a candidatura de Rogério Carvalho. Aguardemos, portanto!

Invocado com o TCE

E o deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) botou o Tribunal de Contas de Sergipe no pau. Invocado por não ter respondida uma sua solicitação, o parlamentar moveu um mandado de segurança contra o TCE. Passos quer explicações sobre a contratação e pagamentos feitos à uma empresa pela Corte de contas. Segundo o deputado, o Tribunal precisa respeitar a Lei de Transparência, tão exigida pelos conselheiros às Prefeituras e Câmaras Municipais. É por esta e por outras, que os sergipanos apelidaram o TCE de tribunal faz de contas. Home vôte!

Ninho de ratos

Desgastados perante a opinião pública, deputados e senadores vivem defendendo uma reforma política robusta, mas tal promessa não avança no Congresso, justamente por não interessar a muitos detentores de mandatos. Qual parlamentar federal, eleito graças às malas pretas, caixas dois, compra de votos, vai querer moralizar as campanhas eleitorais, defender eleições justas? Os poucos que discordam da maioria até podem se esgoelar nas tribunas da Câmara e do Senado, porém não conseguirão aprovar nada que contrarie o fedorento ninho de ratos instalado no Congresso. Crendeuspai!

Recíproca verdadeira

Aliados do ex-prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho (PL), alardeiam que a maior dificuldade para o distinto se aliar ao governo é o deputado estadual Luciano Bispo (MDB). Sempre que é abordado sobre o assunto, Valmir diz que não sobe no palanque onde estiver o emedebista e jamais votará nele. Neste caso, a recíproca é verdadeira: Luciano jura que não passará nem perto de um comício de Francisquinho, assim como não vota no adversário nem amarrado. Misericórdia!

Ausência feminina

Quase uma dezena de municípios sergipanos não têm mulheres comandado prefeituras ou representando o povo nas Câmaras Municipais. E para debater sobre a participação feminina na vida pública, a OAB promoveu uma roda de conversas que reuniu, entre outras, a vice-prefeita de Aracaju, Katarina Feitoza (PSD) e a deputada estadual Maria Mendonça (PSDB). A vice propôs a união de todas as mulheres “em torno do propósito de que o lugar da mulher é onde ela quiser”. Certíssimo!

Sob nova direção

O Cidadania realiza, neste sábado, seu congresso estadual visando discutir sobre as eleições de 2022 e eleger a sua nova diretoria em Sergipe. Contra a reeleição, o senador Alessandro Vieira abrirá mão de disputar a presidência da legenda, cargo que deverá ser ocupado pelo deputado estadual Georgeo Passos. A reunião dos cidadanistas acontecerá na Câmara de Vereadores de Itabaiana e deverá ser prestigiada por lideranças políticas de outras legendas. Embora o pleito esteja na agenda do Congresso, a discussão sobre candidaturas e alianças ficará para outra ocasião. Ah, bom!

Filosofia de Britto

Do sergipano Carlos Ayres de Britto, ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal: “Hoje em dia é assim: ou se prepara um discurso tão breve quanto consistente, ou a plateia dorme de improviso.”. Então, tá!

Doutor Bodega

Amanheceu resfriado e não tem médico no posto de saúde para atendê-lo? Pois passe na bodega da esquina e beba uma generosa dose de conhaque com mel e limão. Pinguços entendidos no assunto juram que se o sujeito não melhorar, ao menos fica de fogo e esquece a gripe. Para desarranjo intestinal o bodegueiro sugere uma dose cavalar de Genebra com sal. Para traição amorosa não há um “remédio” específico nas quitandas. Os bodegueiros “receitam” qualquer cachaça, visando diminuir a dor até o infeliz se acostumar com a situação. Segundo os cornos mansos, ponta é como dentadura, demora mas acostuma. Cruz, credo!

Futuro indefinido

O Podemos trabalha a possibilidade de ter candidato próprio ao governo de Sergipe, mas não descarta apoiar um nome de outro partido. “Tudo vai depender do processo de avaliação, que já está em curso”, explica a presidente da sigla, Danielle Garcia. No Podemos, fala-se no nome da própria Danielle para disputar a sucessão estadual. “As avaliações sobre ter ou não candidatura ao governo estão amadurecendo. Hoje, eu posso afirmar que não há nada definido ainda em torno de qualquer nome”, frisa Garcia. Esta informação é do blog Primeira Mão.

Dia de festa

Será nesta sexta-feira, a posse da nova diretoria do Tribunal de Contas de Sergipe, para o biênio 2022/2023. O conselheiro Flávio Conceição assumirá a presidência do TCE, tendo como vice e corregedora-geral Ulices Andrade e Angélica Guimarães, respectivamente. Afastado da função, após suspeita de envolvimento com um grupo que fraudava licitações de obras públicas, Flávio Conceição recorreu à Justiça e retornou ao TCE em 2019, 12 anos depois. Como dizem os colunistas, a classe política de A a Z deve prestigiar a festa de posse. Aff Maria!

Noite de autógrafos

E quem está lançando um novo livro é o desembargador Edson Ulisses de Melo. A noite de autógrafos acontecerá, na próxima segunda-feira, no hall do Palácio da Justiça, centro de Aracaju. Segundo o magistrado, “Sabedoria Popular II – – Máximas, Reflexões, Outros Saberes e Amenidades no Zap Zap” é o resultado de observações cuidadosas no dia adia das redes sociais. O livro traz uma coletânea de compilações de textos, mensagens, frases, ditos e provérbios populares, crônicas, estórias e anedotas. Prestigie!

Recorte de jornal

 

 

 

Publicado no jornal aracajuano O Nordeste, em 6 de fevereiro de 1960.

É editor do Portal Destaquenotícias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Flash Político: Mitidieri disputa Governo e admite que perto da decisão haja inquietação
Confira programação e horário de testagem nas UBSs e bairros de Aracaju
E-commerce do Supertem se consolida como líder no mercado sergipano
Gestores sergipanos têm até 30 de janeiro para enviar informações ao TCE