Aracaju, 24 de janeiro de 2022

Políticos esquecem os miseráveis

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Por Adiberto de Souza *

Engana-se quem pensa que a classe política está preocupada com quem não terá direito de reunir a família em torno de uma ceia de Natal, por mais simples que seja. Os políticos com mandatos federais estão interessados mesmo é em transformar as emendas parlamentares do Orçamento secreto em votos, visando garantir suas reeleições. Os donos dos partidos querem é botar logo as mãos nos R$ 5,7 bilhões do Fundo Eleitoral para cativar corações, atrair candidatos e vencer o pleito de 2022. Quanto aos miseráveis, que nada terão pra comer no Natal, não é problema dos políticos. Eles acham que fazem o que tem de ser feito no Congresso e que a miséria deve ser combatida pelo governo. Portanto, de barrigas e bolsos cheios, os políticos, em sua grande maioria, estão se lixando para os milhões de pobres, enorme contingente da sociedade lembrada por eles apenas nas campanhas eleitorais. Só Jesus na causa!

Reajuste e eleição

Com a proximidade das eleições, o governador Belivaldo Chagas (PSD) tem prometido reajuste salarial aos servidores públicos. Segundo reportagem do Portal Metrópoles, assim como o gestor sergipano, governadores de outros 22 estados também já anunciaram o desejo de reajustar os vencimentos do funcionalismo. A matéria ressalta que Belivaldo “já autorizou a equipe econômica a fazer estudos para encontrar espaço no orçamento visando reajustar os salários dos servidores”. Para o funcionalismo público de Sergipe, sem aumento salarial há quase uma década, seria ótimo se tivesse eleição todos os anos. Danôsse!

Comes e bebes

A vice-governadora de Sergipe, Eliane Aquino (PT), prestigiou em São Paulo o jantar oferecido por advogados ao ex-presidente Lula da Silva (PT) e o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (sem partido). A petista disse ter ficado impressionada com a homenagem, que reuniu cerca de 1,4 mil pessoas. Há quem diga que o jantar foi o primeiro passo para que Alckmin seja candidato a vice na chapa encabeçada pelo “Barba”. Então, tá!

Jurando amizade

E o deputado federal Fábio Mitideri (PSD) jura de pés juntos que não está criando problemas para o prefeito Edvaldo Nogueira (PDT): “Quem tenta insinuar que estou promovendo embates na Câmara de Aracaju, está enganado ou mal intencionado”, adverte. O parlamentar garante que deslealdade não faz parte de sua lista de defeitos e que a sua relação com o prefeito sempre foi de amizade, parceria e lealdade. Diante destas afirmações, é de se supor que se Edvaldo for candidato a governador em 2022 terá o irrestrito apoio de Mitideri. Aff Maria!

Contra o Fundão

Único parlamentar de Sergipe a votar contra a derrubada do veto ao Fundo Eleitoral de R$ 5,7 bilhões, o senador Alessandro Vieira (Cidadania) critica os colegas de bancada. Segundo ele, é preciso dar o máximo de visibilidade “para aqueles que votando ou se omitindo deram mais um tapa na cara dos brasileiros”. Vieira promete seguir lutando no Orçamento da União para reduzir o valor absurdo do chamado Fundão. Está corretíssimo!

Estranha pesquisa

Veja o que publicou no Jornal da Cidade a amiga Thaís Bezerra: “O ex-prefeito de Capela, Manoel Sukita (Republicanos), aposta todas as fichas na pré-candidatura a senador do deputado federal Valdevan Noventa (PL). Agora mesmo, ele divulgou o resultado de uma pesquisa colocando Valdevan com 64%, bem à frente de Jackson Barreto (MDB), também pré-candidato ao Senado, que aparece com 36%. O ex-prefeito não diz o nome do instituto que fez a pesquisa, o local e o período que ela foi realizada. Assim fica difícil acreditar nos índices, né Sukita?”. Home, vôte!

Feira de partidos

Começou a fase de venda e aluguel de partidos. Até as convenções de 2022, ocorrerá todo tipo de transação com as pequenas legendas, objetivando garantir aos candidatos um tempo maior para a propaganda no rádio e na televisão. Como se vê, além de confundir a cabeça do eleitor, essas legendas de aluguel servem apenas para políticos safados se locupletarem com o dinheiro público. Misericódia!

Água pelo ralo

Quase metade da água tratada pela Deso é furtada ou escorre pelo ralo do desperdício. No Brasil, conforme estudo do Instituto Trata Brasil, as perdas na distribuição ficam abaixo de 40%. Para se ter uma ideia, esse percentual significa mais de sete mil piscinas olímpicas de água potável perdidas todos os dias. O levantamento mostra que Sergipe perde mais de 48% da água que produz com vazamentos, ligações clandestinas e falhas de leitura de hidrômetro. Desconjuro!

Pressão amiga

Apesar de a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) já ter dito que não pretende concorrer à reeleição, muitos amigos dela insistem na ideia. O mais interessado em ver dona Maria como candidata em 2022 é o presidente estadual do DEM, José Carlos Machado. O homem tem tentado convencer a senadora a disputar o quarto mandato. Embora ainda não tem obtido êxito, Machadão acredita que convencerá a senadora a disputar a própria vaga. O demista aposta no ditado popular: “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura”. Ah, bom!

Festival de fofocas

As notícias falsas têm preenchido o tempo dos desocupados e tirado o sono das vítimas das fofocas. Agora mesmo, espalharam uma falsa reunião entre os pré-candidatos a governador Edvaldo Nogueira (PDT) e Rogério Carvalho (PT). Lamentavelmente, os políticos menos éticos também insistem em fazer uso das fofocas para se manter na mídia. Este será o tom da prosa até chegar a hora da verdade, quando as fake news serão deixadas de lado, pois só sentará à mesa do carteado quem tiver cacife eleitoral para participar deste intrincado jogo. Crendeuspai!

Recorte de jornal

 

 

 

 

Publicado no jornal aracajuano Folha de Sergipe, em 12 de julho de 1908.

É editor do Portal Destaquenotícias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Cursos oferecidos são de diversas áreas do conhecimento 
Covid-19 deixa o Sergipe sem time para jogar na quarta-feira após registrar 16 casos  no elenco
Senar Sergipe abre inscrições para cursos profissionalizantes
Senadora destaca a importância da ajuda de custo para UTI