Aracaju, 28 de janeiro de 2022

Projeto de Zezinho Sobral sugere inserção do leite de cabra na merenda escolar da rede estadual de ensino

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Aprovado na Alese, texto visa fortalecer a agricultura familiar e a segurança alimentar, estimulando a caprinocultura sergipana

Com o objetivo de garantir a segurança alimentar de crianças e jovens, além de fortalecer a agricultura familiar e a caprinocultura em Sergipe, a Assembleia Legislativa aprovou o Projeto de Lei 233/2021, de autoria do deputado Zezinho Sobral (Pode), que dispõe sobre a inclusão do leite de cabra e das carnes de caprino e de ovino na dieta alimentar dos alunos da rede pública estadual de ensino.

“É muito importante inserir os produtos da caprinocultura na merenda escolar, especialmente o leite e os derivados. Isso agregará na oferta de alimento de qualidade para nossos alunos das escolas estaduais instaladas nos municípios. A caprinocultura sergipana tem se destacado por gerar renda e movimentar a economia do campo. É um projeto simples, de fácil aplicabilidade e não vai gerar despesa para o estado. Sempre defenderei a educação e a agricultura”, afirmou Zezinho Sobral.

O leite de cabra é uma alternativa importante, principalmente diante das adversidades climáticas, notadamente em estados da região nordeste, que sofrem com períodos de estiagem. Segundo especialistas, o produto é rico em cálcio e em proteínas, além de apresentar alto valor biológico, sendo um grande aliado da nutrição de crianças e adolescentes, fortalecendo a estrutura óssea. Dentre as propriedades do leite de cabra estão carboidratos, proteínas, vitamina A, vitamina B2, vitaminas C e D, cálcio, magnésio, fósforo, ferro, potássio, selênio, zinco e cobre.

O projeto visa apoiar a cadeia produtiva ligada à caprinocultura no estado de Sergipe, especialmente no incentivo aos pequenos e médios produtores.

“Nosso intuito é garantir o equilíbrio alimentar dos estudantes, enriquecer a merenda, respeitando as normas nutricionais, além de fomentar o agronegócio, garantindo o fomento do agronegócio sergipano, especialmente aos criadores e associações de caprinos, inserindo-os no processo de comercialização dos seus produtos para a merenda escolar. É mais uma forma importante de apoiar a agricultura familiar”, destacou Zezinho Sobral.

ASCOM – DEPUTADO ZEZINHO SOBRAL

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Comitê volta a se reunir segunda-feira e adotará medidas rígidas para evitar aumento da Covid
Katarina pode ser a surpresa da eleição disputando uma vaga para Federal
Famílias da zona rural recebem subsídio pra comprar imóveis, Em Sergipe, foram 8 contratos que somaram R$ 627 mil
Secretaria de Estado da Saúde recebe 48.550 doses de vacinas contra a Covid-19 nesta quinta