Aracaju, 24 de janeiro de 2022

Doutorando defende tese sobre produção de biolubrificante

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Milson dos Santos Barbosa começou sua trajetória em 2010 e atualmente possui mais três trabalhos premiados em eventos acadêmicos

Graduado em Engenharia de Petróleo pela Universidade Tiradentes, o jovem Milson do Santos Barbosa pode adicionar mais uma conquista ao seu currículo. O egresso defendeu sua tese de doutorado do Programa em Engenharia de Processos/PEP com o título “Bioprocesso para a produção de biolubrificante sob uma abordagem de biorrefinaria integrada de Moringa oleifera Lam” sob a orientação dos pesquisadores Drª. Cleide Mara Faria Soares e Dr. Álvaro Silva Lima, da UNIT, e do Dr. Matheus Mendonça Pereira, da Universidade de Aveiro em Portugal.

Após iniciar sua graduação em 2010, começou a desenvolver trabalhos de iniciação científica no Núcleo de Estudos em Sistemas Coloidais (NUESC) do Instituto de Tecnologia em Pesquisa (ITP) a partir de incentivos de docentes da Unit. A oportunidade de participar de projetos de pesquisa com alto impacto científico e tecnológico despertou o interesse de Milson na ciência e o motivou a ingressar no mestrado em Engenharia de Processos/PEP logo após a conclusão da graduação em 2014.

“Em 2015, iniciei o mestrado no Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Processos (PEP) da Universidade Tiradentes e, em 2017, dei continuidade na vida acadêmica ingressando no doutorado Engenharia de Processos pela Unit, executando projetos de pesquisas nos Laboratório de Pesquisa em Alimentos (LPA) e Laboratório de Engenharia em Bioprocessos (LEB) junto ao ITP. E agora, em novembro de 2021, finalizei o meu doutorado”, explica.

Durante o período que cursou o doutorado, Milson também teve a oportunidade de desenvolver atividades de mobilidade acadêmica. Em 2017, ele foi para o Instituto de Química da Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL-MG) e em 2021, o egresso foi contemplado por uma bolsa, pelo período de três meses, na modalidade Doutorado Sanduíche no Exterior (SWE) fornecida pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o que permitiu a realização de pesquisas científicas no Instituto de Materiais de Aveiro (CICECO), que contempla o Departamento de Química da Universidade de Aveiro, em Portugal.

Como resultado de produção bibliográfica ou técnica vinculada ao projeto de tese desenvolvido, Milson publicou quatro artigos científicos em periódicos indexados, teve uma patente no Instituto Nacional da Propriedade Industrial – INPI e um capítulo de livro. Além disso, o jovem apresentou nove trabalhos científicos em eventos internacionais e dez eventos nacionais, dos quais três desses trabalhos foram premiados.

“As oportunidades oferecidas pela UNIT foram essenciais na minha formação, não só profissional, mas também pessoal. Tanto a excelente infraestrutura do ITP e da Unit, quanto a qualidade dos professores me motivaram a percorrer essa trajetória científica desde a graduação até o doutorado”.

Foto assessoria

Por Raquel Passos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Covid-19 deixa o Sergipe sem time para jogar na quarta-feira após registrar 16 casos  no elenco
Senar Sergipe abre inscrições para cursos profissionalizantes
Senadora destaca a importância da ajuda de custo para UTI
ITPS alerta para nova portaria do Inmetro que desobriga padronizar instalação de taxímetros