Aracaju, 27 de janeiro de 2022

Prefeitura de Aracaju não autorizará festas públicas de Carnaval

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
O Comitê de Operações Emergenciais (COE), da Prefeitura de Aracaju, que estabelece as medidas de enfrentamento à covid-19, decidiu, nesta quarta-feira, 12, que a capital não autorizará eventos públicos carnavalescos. Neste sentido, blocos carnavalescos, eventos públicos de pré-carnaval, carnaval e similares não serão permitidos, como forma de controle da pandemia, sobretudo diante do avanço da variante ômicron no país, com casos confirmados em Aracaju.

“É mais uma medida de controle da disseminação do vírus em nossa cidade, a partir dos dados epidemiológicos e do comportamento da doença, levando em consideração a disseminação da variante ômicron no país e sua presença em nossa cidade. Embora Aracaju não seja uma cidade com grandes eventos carnavalescos, tínhamos blocos nos bairros e prévias carnavalescas em algumas localidades com alguma tradição, de modo que decidimos por não autorizar este tipo de festividade uma vez que enfrentamos um momento de aumento da doença”, afirmou o prefeito Edvaldo Nogueira.

De acordo com a avaliação epidemiológica dos casos de covid-19 em Aracaju, apresentados na reunião pela secretária municipal da Saúde, Waneska Barboza, houve aumento na média de casos novos, considerando os últimos 14 dias. Atualmente, a média diária está em 16,5 casos. Duas semanas atrás eram 4,7 casos por dia. A positividade dos exames está em 7,5%, sendo que duas semanas atrás era de 1%. A média diária de internamentos subiu de sete casos/dia para dez casos/dia, entre a primeira e a segunda semana de 2022. Não houve variação do número de óbitos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on email

Leia também

Famílias da zona rural recebem subsídio pra comprar imóveis, Em Sergipe, foram 8 contratos que somaram R$ 627 mil
Secretaria de Estado da Saúde recebe 48.550 doses de vacinas contra a Covid-19 nesta quinta
Aracaju recebe 21 mil testes rápidos enviados pelo Ministério da Saúde a pedido da FNP
Campanha de combate à Hanseníase oferece exames à população no Hospital Universitário