Aracaju, 18 de julho de 2024
Search

Prefeitura investiu mais de R$ 13 milhões na infraestrutura de equipamentos da Saúde

USF Hugo Gurgel_Foto Marcelle Cristinne

A partir de um plano de ação estratégico para descentralizar serviços de saúde e qualificar a oferta, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), garantiu a melhoria estrutural da rede através de reformas, ampliações e revitalizações de unidades, hospitais e outros equipamentos que atendem a população aracajuana, provendo mais comodidade e acesso.

Segundo a secretária municipal da saúde, Waneska Barboza, uma série de obras foram desempenhadas nos equipamentos de saúde, entre os anos de 2017 e 2023, e outras serão concluídas em 2024, para promover benefícios para a população. No total, cerca de R$13 milhões de reais foram investidos na infraestrutura dos equipamentos.

“Desde o início do trabalho do prefeito Edvaldo Nogueira, a gestão dedicou-se a empenhar recursos nas mais diversas frentes, a fim de cuidar da cidade para as pessoas. As obras que realizamos, ao longo destes anos, têm exatamente esse intuito: melhorar e ampliar a oferta dos serviços, oferecendo amparo às pessoas e demonstrando que o acesso à saúde é um direito que estamos assegurando, seja aumentando e qualificando a oferta destes serviços, como também deixando os locais de atendimento mais propícios à efetivação e continuidade do cuidado de cada indivíduo”, destaca a gestora.

Foram reformadas as Unidades de Saúde da Família (USFs) Cândida Alves, Carlos Hardman, Dona Jovem, Fernando Sampaio, Celso Daniel e Anália Pina; e ampliadas as unidades Hugo Gurgel, Anália Pina e Ministro Costa Cavalcante. Juntas, estas unidades somam investimentos de, aproximadamente, R$ 1.312.762,16. Dentre os serviços, foram executados recomposição do muro, piso com acessibilidade, substituição de portas, revisão de telhado, pinturas, revisão de esquadrias/janelas, instalação de películas, troca de vidros, revisão elétrica geral com identificação de quadros, revisão de instalações hidrossanitárias, soluções de ventilação e segurança (cobogós), etc.

Nas ampliações realizadas, a USF Ministro Costa Cavalcante passou a ter os consultórios odontológicos individualizados e foram construídos sala de reunião, farmácia, almoxarifado, banheiros para funcionários, copa, DML e sala de Agentes. Já na USF Anália Pina, foram individualizados três consultórios com banheiro, ampliação da farmácia e DML, respectivamente.

Duas unidades foram construídas: a USF Elizabeth Pita, situada no bairro Santa Maria, com um investimento no valor de R$ 2.289.036,35, compreendendo ambientes de farmácia (estocagem e dispensação de medicamentos); expurgo da Central de Material Esterilizado; depósitos de resíduos; sala de atividades coletivas; imunização e procedimento. Na UBS Niceu Dantas, no bairro Mosqueiro, o valor estimado do investimento é de R$ 698.102,49 para a construção dos pavimentos térreo e superior, sendo edificados ambientes de espera, recepção, farmácia, almoxarifado, sala de aerosol, sala de imunização, copa, administração, odontologia, sala de esterilização, sala de expurgo, dois consultórios, etc.

Revitalizações

Nesta gestão, as revitalizações iniciaram no ano de 2017, com as melhorias realizadas nas Unidades de Saúde da Família (USFs) Adel Nunes, Eunice Barbosa, Carlos Fernandes de Melo e Onésimo Pinto, João Bezerra, Joaldo Barbosa, José Machado de Souza, Humberto Mourão, Porto Dantas e Hugo Gurgel. Depois, passaram por revitalização as unidades Manoel de Souza, Niceu Dantas, Edézio Vieira de Melo, Renato Mazze Lucas, Ministro Costa Cavalcante e Geraldo Magela.

As revitalizações compreendem pequenos reparos em espaços que carecem de aperfeiçoamento, sendo executada, geralmente, adequação em relação à acessibilidade, substituição de portas, pinturas, revisão de janelas e instalação de películas, revisão elétrica, soluções de ventilação e segurança, individualização de consultórios odontológicos, recuperação de calçadas, substituição de lâmpadas fluorescentes por lâmpadas LED, dentre outros serviços.

Nos anos seguintes, entraram para o cronograma de revitalização as Unidades de Saúde da Família (USFs) Francisco Fonseca, João Oliveira Sobral, Lauro Dantas, José Augusto Barreto, Ávila Nabuco. Em 2022, foi iniciada a revitalização do telhado das USFs Eunice Barbosa, do Joaldo Barbosa, do Onésimo Pinto e, neste ano, das unidades  Adel Nunes e Celso Daniel. E em 2023, as revitalizações da Madre Tereza e José Quintiliano.

Também foram realizadas melhorias nas Redes de Atenção Psicossocial, Atenção Especializada e de Urgência e Emergência. No Centro de Especialidades Médicas (CEMAR/Siqueira Campos), a Coordenação de Infraestrutura da Saúde de Aracaju realizou a revitalização do Centro de Atenção à Saúde da Mulher (CAASM), os setores de Administração, Endocrinologia, Cardiologia, Tuberculose, os Blocos C, D, E; as recepções dos blocos e recepção geral, SAE e CTA; e a revitalização do CAPS Jael Patrício.

Além disto, houveram as adequações dos Hospitais Municipais Fernando Franco e Nestor Piva, este último com a ampliação de dois leitos de estabilização, bem como a implantação do Centro de Atendimento à Síndromes Gripais. Em 2018, o Programa Academia da Cidade (PAC) também obteve melhorias ao longo dos anos a partir da revitalização dos pólos Costa Pinto e Coroa do Meio. Atualmente, segue em andamento os trabalhos para construção dos pólos 17 de Março, José Machado de Souza, Onésimo Pinto, Geraldo Magela, Renato Mazze Lucas e Anália Pina.

Foto Marcelle Cristinne

Leia também