Aracaju, 25 de fevereiro de 2024

Delegado fala sobre o alerta de golpe feito por Alessandro Vieira acerca da candidatura de Valmir de Francisquinho

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
b0e44956f93a7871

*Por Paulo Marcio

Essa tese estapafúrdia foi ventilada pela primeira vez pelo candidato Alessandro Vieira no debate promovido pela Fan FM. A intervenção a que se refere o senador, caso tenha ocorrido, teve como propósito fulminar a candidatura de Valmir de Francisquinho no nascedouro, forçando-o a desistir do pleito e, por conseguinte, tornando mais fácil, em tese, a vitória do candidato oficial.

Acontece que a manutenção da candidatura do Pato, como é carinhosamente chamado o ex-prefeito serrano, não só é legítima do ponto de vista jurídico, como atende a um apelo popular sem precedentes na história política de Sergipe. Suscitar a todo o instante uma suposta inelegibilidade de Valmir, quando a própria justiça eleitoral autoriza sua candidatura sem quaisquer ressalvas, é, no mínimo, uma falta de respeito ao eleitor, além de constituir reprovável agressão à democracia.

Tal conduta, característica dos poderosos que querem submeter os interesses do povo aos seus ditames, deve ser reprovada com total veemência não só pelos partidários de Valmir, mas por todos aqueles que defendem a mínima, necessária, arrazoada e legítima intervenção do aparato estatal nas questões atinentes à democracia em geral e às eleições livres em particular.

*Delegado Paulo Márcio – Ex-candidato a prefeito de Aracaju

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Leia também