Aracaju, 18 de julho de 2024
Search

Sergipanos podem eleger “dois governadores” na eleição de 2026 

20

Não é a primeira e nem será a última análise deste colunista sobre como o meio político está cada vez mais profissional. Hoje em dia há muito mais gente buscando entender esta ciência com argumentos teóricos, muitas vezes deixando de enxergar como as coisas realmente acontecem na prática. Mas independente de quem pesa mais, se é o “livro” ou a “repetição”, o que finda sendo mais decisivo no meio político certamente é a estratégia.

Neste sentido você pode ter todo o conhecimento teórico sobre campanhas eleitorais, mas se o profissional não acompanha as possibilidades do cenário, ele caminha para o fracasso nas urnas; o mesmo vale para aquele profissional que “se garante” com os argumentos de que já está “calejado” com este momento atípico e decisivo. Só que mesmo este, se não definir a melhor forma de tocar uma campanha, é outro que “vai nadar e morrer na praia”…

Se bastasse apenas a teoria ou a prática, nenhum político com sucessivos mandatos perderia uma eleição ou bastava ter a equipe mais capacitada, tecnicamente falando, para tocar sua campanha; são vários os fatores que estão em jogo e um deles, muitas vezes ignorado por alguns políticos, é buscar entender o que o eleitorado (os Russos) está pensando! Que tipo de Executivo ou Legislador a população quer eleger? Do que as pessoas sentem falta na política?

Dando uma simples “amostra” do que temos pela frente, e analisando muito do que vem sendo dito e escrito sobre as eleições municipais que se aproximam, chega a ser nítido que a maioria dos comunicadores e políticos parece focada na disputa de 2024, quando elegeremos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. Só que, mesmo sendo uma minoria, há quem esteja pensando já em 2026 e, que ninguém se engane: 2028 e 2030! Quem é profissional deste segmento tem que aprender a fazer “leituras de cenários”…

Um dado que muita gente parece ignorar é a vaga de vice-governador em 2026. Hoje Zezinho Sobral (PSB) acumula a função de Secretário de Estado da Educação, mas já manifestou sua intenção de se manter na chapa majoritária; por sua vez, como o governador Fábio Mitidieri naturalmente disputará a reeleição, outros nomes já são especulados para a vice, como o deputado estadual Jeferson Andrade, o prefeito Edvaldo Nogueira, além de outros nomes.

Um cenário possível na disputa estadual é que o governador Fábio Mitidieri tenha um novo candidato a vice e, caso consiga a reeleição, se realmente postular uma cadeira no Senado em 2030, algo muito comum hoje em dia, teria que renunciar o cargo, deixando seu vice ainda desconhecido de 2026 no comando do Executivo, ou seja, enquanto muita gente só pensa no resultado da eleição municipal, em dois anos os sergipanos poderão ir às urnas para eleger “dois governadores”. Faz parte do jogo…

Veja essa!

O governador Fábio Mitidieri (PSD) deve deixar a definição sobre Aracaju para depois dos festejos juninos. O detalhe é que o chefe do Executivo está prometendo 60 dias de festas. Sendo assim, quem estiver aguardando um encaminhamento dele, polo visto, terá que esperar…

E essa!

O grande desafio de Fábio Mitidieri é tentar escapar da forte rejeição do prefeito Edvaldo Nogueira (PDT). A “vítima da vez” é o pré-candidato Luiz Roberto (PDT) que não consegue ser popular e nem crescer nas pesquisas. Há quem diga, se até Julho o cenário não mudar, Danielle Garcia (MDB) pode ser a pré-candidata do grupo.

Desespero I

Antecipada aqui por este colunista, a articulação nos bastidores que poderia resultar em uma chapa de Luiz Roberto para prefeito e Valadares Filho para vice, parece ter esfriado após o desgaste junto a outros setores da imprense e boa parte do eleitorado, que discorda da composição.

Desespero II

Há quem avalie como uma atitude desesperada, em especial do prefeito Edvaldo Nogueira e de seu pré-candidato. Valadares Filho representa o ministro Márcio Macedo e vai fazer aquilo que for mais interessante para o projeto, mesmo que seja entrar em contradição com suas pré-candidaturas anteriores…

Emília bem

Seria negar o óbvio que a pré-candidatura da vereadora Emília Corrêa (PL) para a PMA está bem posicionada, mas os cenários revelam um 2º turno que representa uma nova eleição; hoje Emília estaria lá e com a tendência já dita aqui de ir para o embate com Yandra Moura (União).

Yandra se movimenta I

Falando em Yandra, ela também “corre trecho” para se consolidar cada vez mais na segunda colocação e tentar se aproximar de Emília Correa na corrida eleitoral. A deputada não tem se limitado a fases fotos nos camarotes do Arraiá do Povo e tem percorrido diversos festejos organizados pelas comunidades dos bairros da capital.

Yandra se movimenta II

A deputada também parece bem alinhada com o seguimento Cristão: é muito bem quista na Igreja Católica e aparentemente tem forte maioria dentro da Igreja Evangélica. Yandra é a pré-candidata que conta com um dos maiores grupos, um trunfo para defender seu nome nas zonas mais periféricas da capital.

Bomba!

A promotora de Justiça, Flávia Franco do Prado Carvalho, expediu uma recomendação para o prefeito de Ribeirópolis para que, no prazo de 10 dias corridos, ele exonere cargos comissionados e terceirizados que se enquadram nas situações de nepotismo.

Mais determinações

O prefeito também está impedido de contratar pessoa jurídica cujos sócios ou empregados sejam cônjuges, companheiros, ou que detenham relação de parentesco consanguíneo, em linha reta ou colateral, ou por afinidade, até o terceiro grau, inclusive, com o gestor, o Vice-Prefeito, os Secretários Municipais, os Chefes de Gabinetes, os Vereadores, os Presidentes ou dirigentes de autarquias, institutos, empresas públicas, sociedades de economia mista e fundações públicas municipais, bem como com os demais ocupantes de cargos de direção, chefia ou assessoramento.

A Recomendação

“O descumprimento desta Recomendação ensejará a atuação do Ministério Público na rápida responsabilização dos infratores, com a promoção das ações penais e de improbidade administrativa cabíveis, sem prejuízo dos atos de defesa do patrimônio público, não se podendo alegar desconhecimento das consequências jurídicas de seu descumprimento em processos administrativos ou judiciais futuros”, recomenda a promotora de Justiça.

Canal de Xingó I

Na publicação anterior, este colunista fez a defesa para a efetivação do Canal de Xingó, uma obra prometida pelo governo federal há muito tempo e não saiu do papel. Este colunista chegou a colocar que o então governador Jackson Barreto iniciou a obra, mas a informação correta é que, em Brasília (DF), em uma reunião na Codevasf, ele chegou a anunciar o início, mas 10 anos depois, nada aconteceu.

Canal de Xingó II

Mas, feita a devida correção, este colunista volta a chamar atenção do governo do Estado, dos prefeitos municipais, deputados estaduais e federais e senadores para a necessidade de uma obra tão importante como o Canal de Xingó, sobretudo quanto ao abastecimento de água de diversas regiões do Estado em alguns anos. Uma obra fundamental para as futuras gerações.

Nitinho I

A prefeitura de Aracaju já pode deflagrar o processo de contratação e iniciar as obras de recuperação e reposição de equipamentos da praça do Horto do Carvalho II. Os recursos, no montante de R$ 273.850,00, para recuperação da praça foram garantidos por indicação de emenda impositiva ao orçamento municipal 2022, de autoria do vereador Nitinho Vitale, e já foram liberados.

Nitinho II

A recuperação da praça localizada na rua Sabino Ribeiro Chaves, no bairro Aruana, foi uma reivindicação da comunidade do Orto do Carvalho ao vereador Nitinho. “Em nossas visitas ao Orto do Carvalho, recebemos o pedido da comunidade que quer a restauração do espaço de lazer e integração entre as famílias”, justificou o parlamentar. Entre as reclamações dos moradores estão os equipamentos danificados, calçadas esburacadas, bancos estragados e brinquedos sem manutenção.

São João em São Cristóvão

Na sexta-feira (14), o vereador e pré-candidato a prefeito de São Cristóvão, Diêgo Prado, participou da abertura do São João de Tradição na cidade ao lado de amigos e apoiadores. Diêgo estava no meio do povo, aproveitando a festa e incentivando a valorização dos festejos juninos ao lado de outros vereadores como o seu pré-candidato a vice Pereira, o presidente Rege do Rosa Maria, Vanderlan Correia e Vanderlan Nego.

Ricardo Marques I

O vereador Ricardo Marques (Cidadania) esteve na Praça da Bandeira, uma das mais tradicionais de Aracaju que fica no Centro da cidade, e lamentou que o local foi esquecido pela gestão municipal. Segundo o vereador, os moradores e comerciantes próximos falam da insegurança do local. “A Praça da Bandeira há muito tempo está abandonada. Nem as bandeiras do Brasil e de Sergipe são hasteadas mais. Os coretos se acabaram com o tempo ou viraram abrigos de moradores de rua”, lamenta o vereador.

Ricardo Marques II

A praça também abrigava o “Memorial da Bandeira”, que foi inaugurado em 2004 com pompa pelo então prefeito Marcelo Déda, que queria valorizar o local e o nome da praça. O memorial fazia parte do projeto Museu de Rua e tinha a finalidade de resgatar os símbolos cívicos e fazer uma homenagem à praça. O espaço foi projetado sob os critérios de inclusão social com acessibilidade para cadeirantes.

Ricardo Marques III

“Infelizmente é muito triste ver o estado que se encontra o Memorial da Bandeira, totalmente abandonado e esquecido. E o dinheiro público investido saiu pelo ralo. E olhe que ele foi construído pelo grupo da atual gestão, o vice-prefeito era Edvaldo Nogueira e o presidente da Emurb (empresa pública que construiu o espaço) já era o Sérgio Ferrari, que continua no cargo até hoje. Já fiz várias solicitações à prefeitura, mas parece que não há interesse de revitalizar. Ou seja, são 20 anos que eles estão no poder e nem ficam tristes ao ver o abandono de algo que eles mesmos fizeram”, lamenta Ricardo Marques.

Embaixador japonês

A deputada federal e pré-candidata a prefeita de Aracaju, Yandra Moura, visitou ao lado do embaixador do Japão, a fábrica japonesa Yazaki, em Nossa Senhora do Socorro, para entender como funciona a indústria que gera tantos empregos para os sergipanos.  A Yazaki, desenvolvedora de chicotes elétricos e outros produtos do setor automotivo, desde o seu começo em Sergipe, em 2013, emprega mais de 2 mil funcionários, o que impacta positivamente a economia do estado.

Mais capacitação

“Um destaque positivo para a Yazaki é que em torno de 63% da equipe é formada por mulheres, o que torna a empresa um ótimo exemplo de empregabilidade feminina”, comemorou Yandra. No plano de governo da pré-candidata, ela se comprometeu com a busca de investimentos para a capacitação das aracajuanas e aracajuanos que, na maioria dos casos, não são contratados por falta de formação, fazendo com que as empresas busquem trabalhadores de outros locais.

Fábricas em Aracaju

Em conversa com o embaixador japonês, Yandra discutiu sobre a instalação de fábricas japonesas em Aracaju, destacando a possibilidade de o município oferecer incentivos que possibilitarão a geração de empregos para os moradores da capital.

“É de Sergipe”

O “É de Sergipe”, associação voltada para o networking entre empreendedores e empresários do estado, promoverá, no próximo dia 26 de junho, mais uma edição do “Almoço de Negócios” da organização. Com o tema “Estratégias de vendas online”, o evento contará com diversos convidados especiais e será realizado no Maikai Resort, na Barra dos Coqueiros, a partir das 12h.

Linconlin Amazonas

A ocasião marcará o lançamento oficial do “Marketplace” da associação, uma plataforma de comércio digital que facilitará a compra e venda de produtos de maneira rápida e 100% digital. “A associação É de Sergipe vem crescendo com seu forte que é valorizar tudo de Sergipe. O Marketplace é um grande passo para unir os produtos e serviços dos empresários sergipanos. Toda a diretoria é muito comprometida e isso vem fazendo a diferença”, afirmou Linconlin Amazonas, presidente da associação.

Criando conexões

A associação “É de Sergipe” é uma iniciativa que tem ganhado destaque no cenário empreendedor do estado. O objetivo é criar conexões entre as empresas sergipanas e fomentar o empreendedorismo local para aqueles que são do próprio estado. Através de eventos, palestras, rodadas de negócios e outras atividades, os participantes podem ampliar sua rede de contatos, trocar experiências e conhecimentos, e identificar novas oportunidades de negócio.

Inscrições
As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas através do link https://www.sympla.com.br/almoco-de-negocios-e-de-sergipe__2506748. Os valores partem de R$100 para associados e R$150 para não-associados. Em caso de dúvidas, visite @edesergipe no Instagram ou entre em contato com (79) 98102-8024.

Pastor Diego I

O vereador Pastor Diego (União) fez uso da tribuna para cobrar a efetivação das emendas impositivas e ações legislativas que, segundo ele, estão acumuladas e sem execução. O parlamentar destacou que as emendas destinadas por ele para os anos de 2023 e 2024, especialmente na área de infraestrutura, como recuperação asfáltica, calçamento de ruas e reforma de praças, ainda não foram aplicadas pelo Executivo Municipal.

Pastor Diego II

Ele revelou que havia recebido a informação de que as emendas já estavam prontas para execução, mas que, na prática, os projetos ainda não saíram do papel. “Tenho várias indicações do exercício de 2023 que ainda não foram aplicadas. É preciso que essas emendas sejam efetivadas para que as melhorias cheguem à população”, afirmou.

Pastor Diego III

Além disso, Pastor Diego fez um apelo ao presidente da Casa Legislativa, Ricardo Vasconcelos (PSD), solicitando um levantamento dos projetos aprovados e a verificação de sua implementação. Ele destacou a importância de avaliar a eficácia da atuação legislativa, uma vez que muitas proposituras não estão sendo aplicadas na prática. “Precisamos garantir que os projetos aprovados, que são tão importantes para a sociedade, sejam efetivamente colocados em prática. E focar na melhoria contínua dos serviços oferecidos à população”, ressaltou.

Alessandro Vieira I

O senador Alessandro Vieira (MDB/SE) marcou presença no 129º Fórum Nacional de Secretários de Estado da Administração, evento que debate o desenvolvimento de modelos de gestão pública com foco em resultados e voltados para o bom atendimento ao cidadão, governo digital e reforma administrativa.

Alessandro Vieira II

Organizado pelo Conselho Nacional de Secretários de Administração (Consad), com apoio do Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Administração (Sead), o Fórum foi realizado pela primeira vez em Sergipe, no Delmar Hotel, e recebeu 26 secretários de Estado da Administração e o do Distrito Federal.

Alessandro Vieira III

O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal, Carlos Ayres Britto, abriu o evento com a palestra “Os Desafios de uma Gestão Democrática”. Em seguida, o senador Alessandro Vieira proferiu palestra sobre o tema “Sustentabilidade e Adaptações Climáticas: “Qual o Papel dos Estados?”.

Alessandro Vieira IV

“Todos nós cidadãos precisamos de uma máquina pública que funcione bem. Infelizmente, essa não é uma realidade cotidiana no Brasil, nos nossos estados e municípios. Os gestores da Administração são fundamentais para o bom funcionamento da máquina pública, e para isso precisam ter uma atuação proativa, técnica e que compreendam os cenários em que seus governos estão inseridos. Eles precisam exercer o papel de capitão do time, e apontar os melhores caminhos a serem seguidos”, avalia Alessandro Vieira.

Delegada Katarina I

A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei 3.613/2023, de autoria do Poder Executivo, que visa a prevenção e o combate à violência nas instituições de ensino, aumentando as penas para homicídios cometidos nessas localidades e classificando-os como crimes hediondos. A deputada federal Delegada Katarina (PSD) foi uma das defensoras do projeto, votando favoravelmente à medida.

Delegada Katarina II

“A aprovação deste projeto de lei é um passo importante para garantir um ambiente mais seguro nas escolas e proteger nossos alunos e funcionários. A violência nas instituições de ensino não pode ser tolerada e, com essa legislação, estamos mostrando que a justiça será rigorosa com aqueles que cometem crimes nesse ambiente”, afirmou a Delegada Katarina.

Delegada Katarina III

A proposta original altera o Código Penal e a Lei de Crimes Hediondos, introduzindo medidas específicas como, tipificação do homicídio cometido no interior de instituições de ensino, com aumento de pena; e estabelecimento de penas mais severas para casos de violência dentro dessas instituições. Ano passado, a parlamentar já demonstrou preocupação com o tema, quando propôs uma audiência pública na Comissão de Segurança e Combate ao Crime Organizado da Câmara, para debater com diversos especialistas a questão da violência nas escolas.

Delegada Katarina IV

“Entendo que a prevenção começa com ações concretas e estamos comprometidos em tomar as medidas necessárias para proteger nossas instituições de ensino”, ponderou Delegada Katarina. De acordo com o texto aprovado, a pena padrão de reclusão de 6 a 20 anos pode ser aumentada em um terço se o homicídio for cometido contra pessoa com deficiência ou com doença que cause condição limitante ou vulnerabilidade física ou mental.

Aumento da pena

Além disso, o aumento de pena será de dois terços se o autor do crime for uma figura de autoridade sobre a vítima, como ascendente, padrasto ou madrasta, tio, irmão, cônjuge, companheiro, tutor, curador, preceptor, empregador, professor ou funcionário da instituição de ensino. Para o crime de lesão dolosa, haverá agravantes que podem aumentar a pena de um terço a dois terços se praticado nas dependências de uma instituição de ensino. Nas mesmas situações listadas para a vítima e o agressor, a lesão dolosa será punida com um agravante que pode dobrar a pena. A proposta segue agora para a análise do Senado.

“Sergipe no Mundo” I

Os estudantes da Rede Estadual que desejam participar do programa ‘Sergipe no Mundo’ devem se inscrever no Portal da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (Seduc) até a próxima segunda-feira (17). Idealizado pelo Governo de Sergipe, por meio da Seduc, o programa proporcionará a 50 alunos do ensino médio uma experiência imersiva em cultura e cidadania global, por meio do intercâmbio estudantil em cinco países.

“Sergipe no Mundo” II

Para se inscrever, o estudante deve estar matriculado em uma escola da rede pública estadual de ensino de Sergipe, ter entre 14 e 17 anos de idade, ter média igual ou superior a 7,0 em todos os componentes curriculares, manter uma frequência mínima de 75% e ter autorização dos responsáveis. As inscrições são feitas no portal seduc.se.gov.br no banner do programa Sergipe no Mundo.

Corretor Marcos Silva I

Para quem sonha com o imóvel dos sonhos e não sabe como proceder, este colunista sugere uma oportunidade diferenciada na Barra dos Coqueiros de adquirir uma casa personalizada e pode usar, como parte do pagamento, uma casa, um apartamento, um lote ou um automóvel. Valores a partir de R$ 580 mil.

Corretor Marcos Silva II

A oferta do dia é uma Casa com 3/4, sendo uma suíte, com uma localização privilegiada na Barra dos Coqueiros, seja no Malui ou no Sol e Praia, ainda com a opção de o proprietário personalizar seu imóvel. Qualquer dúvida basta ligar para o Corretor Imobiliário Marcos Silva (79) 98136-8990.

CRÍTICAS E SUGESTÕES

habacuquevillacorte@gmail.com e habacuquevillacorte@hotmail.com

Leia também